O Vereador e professor Gustavo Porto, usou o pequeno expediente da sessão da câmara, para comentar sobre o posicionamento do diretório estadual da APLB – BA, que fez uma paralisação contra a retomada das aulas semipresenciais. O parlamentar criticou a posição da entidade que representa os professores que defende a volta às aulas somente quando todos os servidores da educação sejam vacinados. 
 
Para Gustavo, os alunos são os protagonistas do aprendizado, porém, os estudos ainda não permitem a vacinação em jovens menores de 18 anos. “Falta sensibilidade, olha o egoísmo de uma entidade que representa uma categoria inteira” disse o vereador.  E Gustavo defende a retomada das aulas com a segurança para os alunos.