BARRA GRANDE 24 HORAS
WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia






janeiro 2019
D S T Q Q S S
« dez    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  



Maraú: BR-030 recebe patrolamento como ação emergencial nos pontos mais críticos

Na manhã da última segunda-feira (11), o Departamento Nacional de infraestrutura e Transporte – DNIT, iniciou como medida emergencial o patrolamento nos pontos mais críticos da BR 030, na península de Maraú. A medida foi adotada pela empresa licitada, devido a demora do Inema (Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos) em conceder a licença ambiental para retirada do cascalho que será colocado em toda rodovia.

Patrolamento na BR 030 (Foto: Barra Grande 24 horas)

Moradores, representantes do setor de transportes de Barra Grande e da prefeitura municipal, pediram como ação emergencial o patrolamento da rodovia visando amenizar os efeitos das chuvas. A empresa se comprometeu a realizar o serviço como forma paliativa enquanto aguarda a liberação da exploração da licença ambiental.

Um pequeno trecho entre Saquaíra e Cassange foi patrolado. A empresa espera que os dias de sol possa continuar para manter o serviço. A BR é bastante movimentada, principalmente por veículos de grande porte, como caminhões, ônibus e carretas, o que torna a manutenção da via, ainda mais urgente para que se mantenha conservada e com um bom fluxo de veículos

A prefeita de Maraú não tem medido esforços em cobrar do Governo Federal a recuperação da rodovia. Em 2017, a prefeita esteve por diversas vezes no DNIT cobrando agilidade na recuperação da BR 030 e pedindo também o asfalto até a sede de Maraú. A câmara de vereadores também tem cobrado bastante do DNIT o melhoramento da BR.

Por: Barra Grande 24 horas

 

 

Maraú: Eduardo Salles solicita do Governo, telefonia móvel e internet de qualidade para Piabanha e Ibiaçú

Eduardo Salles (PP) I Foto: Ascom/ Deputado Eduardo Salles

O deputado estadual Eduardo Salles (PP), solicitou recentemente da Secretaria Estadual de Infraestrutura telefonia móvel e internet de qualidade para os distritos de Ibiaçu e Piabanha, em Maraú. “Minha solicitação foi para permitir que os moradores e comerciantes destas localidades possam utilizar celular e tenham acesso à internet por meio do 3G”, disse Eduardo Salles.

O projeto do órgão estadual é oferecer ou melhorar a qualidade do serviço às localidades rurais baianas que possuem mais de 2.000 habitantes. “Vou trabalhar com o deputado federal Ronaldo Carletto, a prefeita Gracinha, vereadores e nosso grupo político para levar mais essa conquista à população de Maraú. (Ascom/Maraú)

 

 

Grupo Mil Sorrisos apoia realização da Festa de Santo Antônio, padroeiro de Barra Grande

Maraú –  O grupo do réveillon Mil Sorrisos, está apoiando a Festa do Glorioso Santo Antônio que é o padroeiro do distrito de Barra Grande. Em 2018, a Mil Sorrisos está patrocinando uma atração musical para o show desta terça-feira, dia 12.  O cantor Ayrton dos Anjos vai se apresentar para o público presente na praça das mangueiras.

A festa em homenagem ao santo que é realizada pela paroquia de Maraú por meio da Igreja de Santo Antônio, é de extrema importância para a comunidade local. A Igreja de Barra Grande e toda comunidade católica local agradece ao Mil Sorrisos pelo apoio aos festejos.

Por: Darlim Santos | Barra Grande 24 Horas

Camamu: Autorizadas obras do atracadouro de Cajaíba do Sul

Deputado Rosemberg Pinto e prefeita Ioná com a ordem assinada

A prefeita de Camamu, Ioná Queiroz, ao lado do deputado estadual Rosemberg Pinto (PT), autorizou, nesta segunda-feira (11), a reforma do atracadouro de Cajaíba do Sul.

O equipamento, um sonho antigo dos moradores e de grande importância para a economia local e para o turismo da região, foi fruto de uma luta do deputado Rosemberg junto ao governo do Estado. Principal liderança do baixo-sul da Bahia e articulador junto à gestão Rui Costa, o petista e a prefeita Ioná conseguiram R$ 1,2 milhão para a reforma, via Secretaria Estadual de Infraestrura (Seinfra).

Obras do atracadouro custarão R$ 1,2 milhão e devem ser entregues em 6 meses

As obras serão tocadas pela Tecnocret Engenharia e têm prazo de conclusão de seis meses. A solenidade da ordem de serviço contou com a presença também do deputado federal Paulo Magalhães, secretários municipais, vereadores, lideranças e moradores locais. (Blog Pimenta)

Horror: Jovem morre ao se atirar do 11º andar de faculdade em João Pessoa. VÍDEO

Fato ocorreu na Faculdade Maurício de Nassau. Polícia diz que o suicida não era matriculado na instituição de Ensino Superior.

VÍDEO, imagem forte.

Um jovem caiu do décimo andar do prédio da Universidade Maurício de Nassau, localizada na avenida Epitácio Pessoa, em João Pessoa e acabou morrendo na manhã desta segunda-feira (11). O Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar foram acionados para ir até o local averiguar o acontecido. O jovem acabou não resistindo à queda e faleceu ainda no local.

CLIQUE AQUI, imagem forte.

Ainda não se sabe o que teria provocado a queda do jovem. Segundo o ClickPB deve ser iniciada uma investigação para apurar o que realmente aconteceu. De acordo com a assessoria de imprensa da Universidade Maurício de Nassau, o jovem foi identificado pela polícia e detectaram que ele não possui matrícula ativa na instituição. Eles alegaram ainda que como o prédio é aberto ao público, o jovem foi até a cobertura e teria cometido suicídio.

[better-ads type=”banner” banner=”111439″ campaign=”none” count=”2″ columns=”1″ orderby=”rand” order=”ASC” align=”center” show-caption=”1″][/better-ads]

Brasil: Filho de ex-BBB é preso suspeito de matar outro jovem no DF. Mãe postou vídeo

Jhefferson, filho da ex-BBB 17 Elis Nair, confessou o crime. Vítima, André Luiz Bispo de Ataides, de 28 anos, era filho de um policia militar.

ho da ex-BBB 2017 Elis Nair é apontado como autor da morte de um homem de 28 anos durante uma festa em Brazlândia, no Distrito Federal. Jhefferson Gonçalves Nunes confessou o crime, que, segundo ele, ocorreu após uma discussão no domingo (10). André Luiz Bispo de Ataides levou cinco golpes no peito e morreu no local. Aos policiais, Jhefferson contou que havia bebido quatro garrafas de uísque com os amigos, quando houve uma primeira discussão. Após a confusão, Jhefferson colocou uma faca na cintura e foi para o ambiente externo. Elis postou um vídeo falando sobre a prisão do filho:

Foi quando encontrou André, que, diz ele, começou a provocar um dos amigos que o acompanhava. Ainda segundo ele, ao tentar intervir e supostamente apartar a briga, se irritou e esfaqueou André. A Polícia Militar diz que Jhefferson contou com a ajuda de um comparsa, Paulo Henrique de Souza, de 20 anos, que segurou a vítima durante os golpes e depois acobertou no esconderijo.

Resultado de imagem para BBB 2017 Elis Nair

Os dois foram presos por volta das 18h no Setor Tradicional de Brazlândia. Eles tentaram fugir pelo telhado, mas foram pegos e levados à delegacia da região (24ª DP). Com eles, foi apreendida a faca, de 20 cm. Nas redes sociais, Elis Nair Gonçalves disse que ficou sabendo da notícia pela imprensa. Segundo ela, Jhefferson estava internado em uma clínica de reabilitação, mas não sabia que ele havia deixado o local (veja vídeo). André Luiz era filho de um policial militar do DF.

[better-ads type=”banner” banner=”111439″ campaign=”none” count=”2″ columns=”1″ orderby=”rand” order=”ASC” align=”center” show-caption=”1″][/better-ads]

Covardia: Pai usa a filha de 3 anos como “escudo” e acaba morto. Menina foi para UTI

A vítima de 29 anos achou que os bandidos não atirariam na criança. Os dois acabaram baleados pelos criminosos.

O ex-presidiário Elinaldo José da Silva, 29 anos, foi surpreendido em casa por três homens armados. Acreditando que eles não atirariam na criança, Elinaldo tentou se proteger segurando a filha. Os criminosos atiraram mesmo assim e acabaram por matar Elinaldo e ferir gravemente a criança. A polícia já tem uma suspeita do que seria a motivação do crime. O delegado disse que o pai da criança, vítima do homicídio, “discutiu com uma pessoa em uma boca de fumo e ‘teria dado um tapa’ no rosto dessa pessoa”.

“Essa pessoa para se vingar voltou no período da tarde com mais duas pessoas e efetuou os disparos”, A Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa possui a identificação de um dos autores do crime, e há a suspeita de outros dois. O caso está sendo investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP).

Estado de saúde da menina

A criança de apenas três anos que foi alvejada com três tiros ao ser usada como escudo pelo próprio pai teve alta da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) na manhã deste sábado (9), mas permanece internada na clínica pediátrica do Hospital de Urgência de Teresina (HUT). A informação foi repassada pela assessoria de Comunicação do hospital.

[better-ads type=”banner” banner=”111439″ campaign=”none” count=”2″ columns=”1″ orderby=”rand” order=”ASC” align=”center” show-caption=”1″][/better-ads]

A criança apresentou melhoras de ontem para hoje, mas o estado ainda é grave. Dois dos tiros atingiram a região do abdômen e um a cabeça, mas não chegou a perfurar o crânio. O braço direito foi fraturado. A menina passou por cirurgia exploratória e foi constatado que os tiros do abdômen atingiram o diafragma, fígado, estômago e baço. Segundo a assessoria, a criança está estável, a sedação já foi retirada e ela está consciente.

Horror: Para se vingar da ex, homem estupra e mata a filha de 8 anos, e toca fogo na casa

Bombeiros foram chamados, apagaram as chamas e descobriram o corpo da criança, enrolado num cobertor, com sinais de abuso sexuais.

O elemento André Pedreira de Oliveira, de 43 anos, estava em processo de separação da sua mulher. Ele abusou e matou a própria filha, Ana Ester, de apenas 8 anos, para fazer a esposa sofrer. O crime aconteceu na madrugada da última quinta-feira (7), no bairro Cupim, zona rural de Ibiúna, interior de São Paulo. O elemento já havia sido preso por mais de 10 anos por outros crimes brutais. Um dos crimes foi um violento abuso sexual contra uma mulher em São Bernardo dos Campo, na região do ABC paulista. Ele ainda tentou matar a vítima. Assista a reportagem:

Ele também já havia sido detido por uma tentativa de estupro em Taubaté, no interior de São Paulo. Há cinco anos ele matou um homem na cidade de Ibiúna, região de Sorocaba, SP, com um golpe de machado. Depois de deixar a penitenciária, André resolveu constituir família, se casando, mas após vários anos de união, o casal estava se separando. Ele não aceitava a separação e ameaçava a mulher, que chegou a dar queixa dele, que tentava uma maneira de ficar com a guarda da filha. A esposa, para se ver livre do homem, estava morando na casa da mãe, que fica na mesma rua e foi obrigada a deixar a filha com o marido.

Por volta das 2:00 horas da madrugada, ela acordou com o barulho de uma explosão e cheiro de fumaça. Ao sair para verificar, percebeu que a casa onde estava o marido e sua filha, estava pegando fogo. Os bombeiros foram chamados, apagaram as chamas e descobriram o corpo da criança, enrolado num cobertor, com sinais de abuso sexuais. A criança morreu asfixiada e foi vítima de estupro, cometido pelo próprio pai. O sacripanta fugiu por uma mata, mas duas equipes de policiais insistiram na busca, ainda de madrugada e o encontraram num local de difícil acesso. Ele não ofereceu resistência e confessou que sufocou a filha e depois a estuprou. Foi encontrada na casa incendiada, uma confissão escrita pelo monstro, numa cortina, explicando que cometeu o crime para se vingar da ex esposa, acusando-a como culpada de tudo e ainda assinou o escrito com a palavra “Love”. Se for condenado por estupro, assassinato e incêndio, o maníaco poderá pegar até 50 anos de prisão.

[better-ads type=”banner” banner=”111439″ campaign=”none” count=”2″ columns=”1″ orderby=”rand” order=”ASC” align=”center” show-caption=”1″][/better-ads]

Bahia: Acusado de matar a ex com tiro na cabeça, tomba em confronto com o PETO

“Tota” era foragido da Justiça do Espírito Santo, após matar a tiros em 2017, a sua ex-namorada Maria Helena Andrade da Silva, de 21 anos.

Na manhã deste sábado, 09 de junho, policiais militares do PETO e do 1° Pelotão da 44ª Companhia Independente de Polícia Militar saíram em diligências até o distrito de Ibirajá, onde iriam cumprir um mandado de prisão em desfavor do traficante Ramiro Fabiano Neto, 35 anos de idade, o vulgo “Tota”, que era foragido da Justiça do Espírito Santo, após matar a tiros em 2017, a sua ex-namorada Maria Helena Andrade da Silva, 21 anos de idade, na cidade de Alto Rio Novo. Após o crime, Tota fugiu do estado e acabou se escondendo no pacato distrito.

A ação dos militares visava cumprir o mandado de prisão pelo crime contra a ex-companheira, e também por participações do criminoso em outros crimes ligados ao tráfico de drogas no ES. Segundo informações Ramiro, o Tota, já estava sendo investigado pela Polícia Civil de Itanhém por ligações com o tráfico de drogas em Ibirajá. Segundo o portal LN, ele seria comparsa do traficante conhecido como “Luizinho”, que é apontado como chefe do tráfico na região de Ibirajá. Em troca de informações com a Polícia Civil do Espírito Santo foi descoberto a existência do mandado de prisão que seria cumprido, mas, ao ter o seu imóvel cercado pelos militares o traficante começou a efetuar disparos contra as guarnições na tentativa de fugir.

Os militares, prontamente, responderam à injusta agressão e acabaram baleando o Tota. Mesmo baleado o criminoso deixou o imóvel e pulou alguns muros e acabou caindo em uma rua dos fundos, ainda com a arma em punho. Foi dada voz de rendição e, após largar a arma, o criminoso foi socorrido para o Hospital Municipal de Medeiros Neto, mas não resistiu e veio a óbito. Tota, que vinha sendo monitorado pela PC/ES, é investigado por ser uma espécie de executor do tráfico, onde fazia a “cobrança” do tráfico. Após executar a namorada em Alto do Rio Novo, distrito de Monte Carmelo/ES, ele seguiu para a Bahia onde manteve sua vida ligada ao tráfico. A ação policial com resultado morte foi registrada na sede do Plantão Regional e o corpo de Tota removido para o IML de Teixeira de Freitas, onde será submetido à necropsia.

[better-ads type=”banner” banner=”111439″ campaign=”none” count=”2″ columns=”1″ orderby=”rand” order=”ASC” align=”center” show-caption=”1″][/better-ads]

Violência: Universitária que sumiu após entregar trabalho de faculdade é achada morta

Silvia Santos Souza tinha sumido na última quarta-feira (6) e corpo dela foi achado enterrado em sítio de Porto Velho. Suspeito está sendo procurado pela polícia.

Universitária que sumiu após entregar um trabalho acadêmico em uma faculdade de Porto Velho, na última quarta-feira (6), foi achada morta nesta sexta-feira (8) em Porto Velho. O corpo de Silvia Santos Souza estava enterrado nos fundos de um sítio com várias facadas. O namorado da estudante é o principal suspeito do crime. Segundo a Polícia Civil, depois da aula em uma faculdade particular da capital, a estudante mandou uma mensagem para uma amiga e afirmou estar indo embora, pois precisava cuidar dos dois filhos.

Desde então ninguém mais teve contato com a acadêmica e na última quinta-feira (7) a família registrou boletim de ocorrência. A partir daí, policiais iniciaram uma investigação para tentar localizar Silvia. Conforme investigadores, uma pessoa teria repassado informações sobre o trajeto feito por Silva depois da faculdade. Os indícios do trajeto do carro indicavam que ela tinha ido ao sítio do namorado. Os agentes da Civil foram até a propriedade e acharam o corpo da estudante enterrado, com várias facadas. Segundo informações de investigadores, Silvia namorava o dono do sítio onde foi morta. A polícia está tentando localizar o sitiante, pois, até então, ele é o principal suspeito do assassinato. À Rede Amazônica, a família disse que não consegue entender o que poderia ter motivado o assassinato da jovem, pois nunca presenciou uma discussão entre o suspeito e a vítima.

[better-ads type=”banner” banner=”111439″ campaign=”none” count=”2″ columns=”1″ orderby=”rand” order=”ASC” align=”center” show-caption=”1″][/better-ads]





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia