WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: ‘Penísula’

Maraú: Prefeitura confirma primeiro caso de coronavírus em Taipu de Dentro

View this post on Instagram

SECRETARIA DE SAÚDE DE MARAÚ CONFIRMA CASO DE CORONAVÍRUS EM PACIENTE DE TAIPU DE DENTRO A Prefeitura de Maraú, através da Vigilância Epidemiologica da Secretaria Municipal de Saúde, vem informar mais um caso positivo para COVID-19. Trata-se de uma jovem de 24 anos, residente no povoado de Taipu de Dentro, não possui comorbidade e tem histórico de viagem para Ipiaú. A paciente foi colocada em quarentena desde que chegou. De acordo com a Vigilância Epidemiológica saiu o resultado do Lacen nesta segunda feira dia 18/05 com o resultado inconclusivo, então foi realizado o teste rápido para confirmação, no qual o resultado foi positivo para o covid. Salientando que a paciente chegou ao município dia 27/04 estava assintomática e por protocolo Municipal ficou em quarentena, dia 05/05 Ela começou a apresentar os sintomas, manteve- se em isolamento e realizado coleta. Até o momento, Maraú possui apenas 4 casos confirmados, com 1 óbito, 1 caso suspeito, 1 aguardando coleta e 8 casos descartados. A Prefeitura de Maraú reforça que todas as medidas adotadas devem ser cumpridas à risca a fim de evitar que o Município tenha um surto da doença. A recomendação é para que NÃO saiam de casa sem extrema necessidade. ASCOM – Prefeitura de Maraú

A post shared by Prefeitura Municipal De Maraú (@prefeiturademarau) on

A Prefeitura de Maraú, através da Vigilância Epidemiologica da Secretaria Municipal de Saúde, vem informar mais um caso positivo para COVID-19. Trata-se de uma jovem de 24 anos, residente no povoado de Taipu de Dentro, não possui comorbidade e tem histórico de viagem para Ipiaú. A paciente foi colocada em quarentena desde que chegou.

De acordo com a Vigilância Epidemiológica saiu o resultado do Lacen nesta segunda feira dia 18/05 com o resultado inconclusivo, então foi realizado o teste rápido para confirmação, no qual o resultado foi positivo para o covid. 

Salientando que a paciente chegou ao município dia 27/04 estava assintomática e por protocolo Municipal ficou em quarentena, dia 05/05 Ela começou a apresentar os sintomas, manteve- se em isolamento e realizado coleta.

Até o momento, Maraú possui apenas 4 casos confirmados, com 1 óbito, 1 caso suspeito, 1 aguardando coleta e 8 casos descartados.

A Prefeitura de Maraú reforça que todas as medidas adotadas devem ser cumpridas à risca a fim de evitar que o Município tenha um surto da doença. A recomendação é para que NÃO saiam de casa sem extrema necessidade.

ASCOM – Prefeitura de Maraú

 

VERANISTA SÓ PODERÁ ENTRAR NA PENÍNSULA COM EXAME DA COVID-19 QUE SEJA HABILITADO PELO LACEN-BA

A prefeita Gracinha Viana prorrogou nesta sexta-feira (15), até dia 31 de maio, as medidas para enfrentamento e prevenção contra o novo coronavírus. O Decreto nº 1260 foi publicado em edição do Diário Oficial do Município (DOM) e segue as orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS), Ministério da Saúde e do Governo da Bahia.

Com a prorrogação das medidas contra a covid-19, a Prefeitura de Maraú reforça que o isolamento social da população durante o período excepcional de surto da doença é uma das medidas de controle mais eficazes e importantes para controle do avanço do novo coronavírus.

Agora, apenas será permitida a entrada na península de Maraú, a entrada de veranistas que demonstrem por exame laboratorial, que não são portadores da COVID-19, através da apresentação de exame laboratorial específico, devidamente habilitado pelo LACEN – Laboratório Central de Saúde Pública do Estado da Bahia, tendo em vista o grande número de pacientes assintomáticos.

ASCOM – Prefeitura de Maraú

Bolsonaro estuda forma de estender o ‘coronavoucher’ para mais que três meses

O presidente Jair Bolsonaro, participa da solenidade de assinatura da medida provisória da liberdade econômica.

O coronavoucher, auxílio de R$ 600 dado pelo governo federal a trabalhadores informais microempreendedores individuais (MEI), autônomos e desempregados durante a crise, pode ser estendido para além dos três meses a que teria como validade inicial. Segundo o jornal O Globo, atualmente o Ministério da Economia estuda duas formas para aumentar o prazo para o auxílio. A primeira é prorrogar o benefício por um período de dois a dois meses. O segundo seria criar um programa de renda básica para ser implementado no momento em que o pico da pandemia passar no país. Oficialmente, o governo não comenta o assunto. (Giro em Ipiaú)

Covid-19: Setor de turismo já demitiu mais de 470 trabalhadores formais na península de Maraú

Vista área de Barra Grande, principal destino turístico da Península de Maraú. | Foto: Darlim Santos | Barra Grande 24h

Os reflexos da pandemia do Coronavírus (Covid-19), estão atingindo em cheio a situação econômica do turismo da península de Maraú, devido ao fechamento do setor hoteleiro e também de bares e restaurantes, por decreto, desde o dia 20 de março. O fechamento pela prefeitura segue recomendações de autoridades em saúde. Até o momento, o município registra 3 casos confirmados, 1 óbito e 5 casos suspeitos.

A grande maioria dos empresários da península já fizeram, pelo menos até o fim de abril, alterações no seu quadro de funcionários e colaboradores. Levantamento feito por um escritório de contabilidade que atende diversos empresários de Barra Grande e demais povoados turísticos, com as pousadas fechadas o faturamento delas zerou desde 23/03. Os bares e restaurantes também.

De acordo com o escritório de Luis Contabilidade na península algumas pousadas já fecharam as portas definitivamente. “Processamos aqui em nosso escritório, só do Município de Maraú, no período de 27/03 a 30/04 um total de 473 demissões (Somente Pousadas e Restaurantes). Um número alarmante. São 172 suspensão de contrato por 60 dias.” Explica.

Ainda de acordo com o escritório, os números são referentes ao trabalhador formal. O número de demissões de trabalhadores clandestinos (sem registro em carteira) deve ser ainda maior. A estimativa é que no município de Maraú, foram demitidos mais de 1.800 pessoas.

Uma boa parcela destes trabalhadores, são de outras cidades e alugavam casas, mas, com as demissões, voltaram para seus domicílios de origem, desocupando os imóveis, gerando ainda mais prejuízos e instabilidade agora no setor imobiliário.  Bares e restaurantes tem apostado no serviço de entrega, mas, está longe de ser a solução. A alternativa de migrar para vendas em delivery não foi suficiente para manter o negócio com a mesma força, devido a alta concorrência que surgiu nesse meio.(Fonte:Barra Grande 24horas)

 

 

CORRIGIDO: Governo do Estado mantém suspenso transporte intermunicipal em Camamu e Maraú

As cidades de Municípios de Aiquara, Boa Vista do Tupim, Nova Viçosa e Serrolândia terão o transporte intermunicipal suspenso a partir de sábado (9). A medida, publicada em decreto na edição desta sexta-feira (7) do Diário Oficial do Estado, tem como objetivo conter o avanço do coronavírus na Bahia e vale até 18 de maio. No total, 114 municípios baianos estão com as rodoviárias fechadas.

Em Maraú e Camamu, o transporte intermunicipal de lanchas ainda está suspenso conforme decreto estadual. O decreto desta sexta-feira ainda autorizou a retomada do transporte intermunicipal em Água Fria, Almadina, Jaguaquara, Licínio de Almeida e Santa Luzia, cidades com 14 dias ou mais sem novos casos de Covid-19.

A restrição envolve a circulação, saída e chegada de qualquer transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans. Até a manhã desta sexta-feira (8), a Bahia havia registrado mais de 4,5 mil casos confirmados de coronavírus, com 165 mortes.

Confira os municípios com transporte intermunicipal suspenso:

  1. Abaíra;
  2. Aiquara;
  3. Alagoinhas;
  4. Amélia Rodrigues;
  5. Aracatu;
  6. Arataca;
  7. Barra do Choça;
  8. Barro Preto;
  9. Boa Vista do Tupim;
  10. Buerarema;
  11. Caetanos;
  12. Caldeirão Grande;
  13. Camacã;
  14. Camaçari;
  15. Camamu;
  16. Campo Alegre de Lourdes;
  17. Canavieiras;
  18. Candeias;
  19. Castro Alves;
  20. Catu;
  21. Coaraci;
  22. Conceição do Coité;
  23. Cruz das Almas;
  24. Curaçá;
  25. Dário Meira;
  26. Dias D’Ávila;
  27. Eunápolis;
  28. Feira de Santana;
  29. Gandu;
  30. Guaratinga;
  31. Governador Mangabeira;
  32. Ibicaraí;
  33. Ibirapitanga;
  34. Ibirataia;
  35. Ibotirama;
  36. Ilhéus;
  37. Ipiaú;
  38. Itaberaba;
  39. Itabuna;
  40. Itacaré;
  41. Itagibá;
  42. Itajuípe;
  43. Itamari;
  44. Itaparica;
  45. Itapé;
  46. Itapetinga;
  47. Itatim;
  48. Ituberá;
  49. Jacobina;
  50. Jaguarari;
  51. Jequié;
  52. Jitaúna;
  53. Juazeiro;
  54. Jussari;
  55. Jussíape;
  56. Laje;
  57. Lajedo do Tabocal;
  58. Lauro de Freitas;
  59. Livramento de Nossa Senhora;
  60. Madre de Deus;
  61. Maracás;
  62. Maragogipe;
  63. Maraú;
  64. Mata de São João;
  65. Morpará;
  66. Mucugê;
  67. Nazaré;
  68. Nilo Peçanha;
  69. Nordestina;
  70. Nova Soure;
  71. Nova Viçosa;
  72. Paramirim;
  73. Pau Brasil;
  74. Paulo Afonso;
  75. Pilão Arcado;
  76. Pojuca;
  77. Porto Seguro;
  78. Oliveira dos Brejinhos;
  79. Rafael Jambeiro;
  80. Remanso;
  81. Retirolândia;
  82. Ribeira do Pombal;
  83. Rio Real;
  84. Salvador;
  85. Santa Bárbara;
  86. Santa Cruz Cabrália;
  87. Santaluz;
  88. Santa Teresinha;
  89. Santo Amaro;
  90. Santo Antônio de Jesus;
  91. São Felipe;
  92. São Francisco do Conde;
  93. São Gonçalo dos Campos;
  94. São José da Vitória;
  95. São Sebastião do Passé;
  96. Sátiro Dias;
  97. Saubara;
  98. Seabra;
  99. Serra do Ramalho;
  100. Serrinha;
  101. Serrolândia;
  102. Simões Filho;
  103. Taperoá;
  104. Teixeira de Freitas;
  105. Tucano;
  106. Ubatã;
  107. Ubaitaba;
  108. Una;
  109. Uruçuca;
  110. Várzea Nova;
  111. Valença;
  112. Valente;
  113. Vera Cruz;
  114. Vitória da Conquista;

Secretaria de saúde de Maraú notifica mais 3 casos suspeitos da COVID-19 em Taipu de Dentro, Campinho e Tremembé

View this post on Instagram

SECRETARIA DE SAÚDE NOTIFICA MAIS TRÊS CASOS SUSPEITOS DA COVID-19 EM MARAÚ A Prefeitura de Maraú, através da Vigilância Epidemiologica da Secretaria Municipal de Saúde, vem informar mais três casos suspeitos do coronavírus. São três mulheres, sendo que duas delas, com histórico de viagens recentes para Ipiaú e Itabuna. 1º CASO SUSPEITO – Uma é uma senhora de 61, com comorbidade (asma), que apresenta febre, garganta inflamada e dor no corpo. Residente no povoado de Tremembé, e tem histórico de internação no hospital Calixto para realizar cirurgia. Desde que voltou do hospital, por orientação da secretária de saúde, já estava em quarentena quando começou apresentar os sintomas. Se mantem em isolamento domiciliar e está aguardando coleta do exame. 2º CASO SUSPEITO – Uma jovem de 24 anos, residente no povoado de Taipu de Dentro, não possui comorbidade e tem histórico de viagem para Ipiaú . Foi colocada em quarentena desde que chegou e ontem começou a apresentar sintomas. A paciente continua em isolamento e aguardando coleta de material para exame. 3º CASO SUSPEITO – Mulher de 36 anos, moradora do povoado do Campinho, sem comorbidade, e com histórico de visita na sede do município, apresentou sintomas como febre e gripe. Será realizado teste rápido na segunda. A Prefeitura de Maraú reforça que todas as medidas adotadas devem ser cumpridas à risca a fim de evitar que o Município tenha um surto da doença. A recomendação é para que NÃO saiam de casa sem extrema necessidade. ASCOM – Prefeitura de Maraú

A post shared by Prefeitura Municipal De Maraú (@prefeiturademarau) on

A Prefeitura de Maraú, através da Vigilância Epidemiologica da Secretaria Municipal de Saúde, vem informar mais três casos suspeitos do coronavírus. São três mulheres, sendo que duas delas, com histórico de viagens recentes para Ipiaú e Itabuna.

1º CASO SUSPEITO Uma é uma senhora de 61, com comorbidade (asma), que apresenta febre, garganta inflamada e dor no corpo. Residente no povoado de Tremembé, e tem histórico de internação no hospital Calixto para realizar cirurgia. Desde que voltou do hospital, por orientação da secretária de saúde, já estava em quarentena quando começou apresentar os sintomas. Se mantem em isolamento domiciliar e está aguardando coleta do exame.

2º CASO SUSPEITO – Uma jovem de 24 anos, residente no povoado de Taipu de Dentro, não possui comorbidade e tem histórico de viagem para Ipiaú. Foi colocada em quarentena desde que chegou e ontem começou a apresentar sintomas. A paciente continua em isolamento e aguardando coleta de material para exame.

3º CASO SUSPEITO – Mulher de 36 anos, moradora do povoado do Campinho, sem comorbidade, e com histórico de visita na sede do município, apresentou sintomas como febre e gripe. Será realizado teste rápido na segunda.

A Prefeitura de Maraú reforça que todas as medidas adotadas devem ser cumpridas à risca a fim de evitar que o Município tenha um surto da doença. A recomendação é para que NÃO saiam de casa sem extrema necessidade.

ASCOM – Prefeitura de Maraú

 

PREFEITURA DE MARAÚ VAI CASSAR ALVARÁ DE COMÉRCIO SE CLIENTE NÃO USAR MÁSCARA

Vista da Sede de Maraú | Foto: Darlim Santos

Com uma morte e mais dois casos confirmados de covid-19 em Maraú, de acordo com o último boletim divulgado pela Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Saúde, na última terça-feira (5) a Prefeitura do município decidiu punir os estabelecimentos comerciais que não exigirem do cliente o uso obrigatório de máscaras de proteção.

O objetivo principal é tentar impedir a proliferação do Novo Coronavírus (Covid-19). Mesmo os comércios considerados essenciais, que permanecem abertos, devem tomar as medidas sanitárias exigidas pela legislação.

A prefeita Gracinha explicou sobre a importância de todos obedecerem às determinações. “É importante ressaltar que todos devem atender a legislação que já estava em vigência e são obrigados a atender determinações como o uso de máscara e luvas para funcionários, exigir que clientes utilizem máscaras, disponibilizar álcool em gel e manter o distanciamento estipulado. Sempre devem ser observadas as recomendações das autoridades sanitárias.”.

Fiscalização

Quem descumprir as medidas do decreto está sujeito à aplicação das sanções administrativas previstas. Os infratores terão a suspensão do alvará de funcionamento se forem flagrados atendendo clientes que não estejam usando máscaras. Entre as regras, estão a disponibilidade de álcool gel aos clientes e, principalmente, ações para manter o distanciamento social.

ASCOM – Prefeitura de Maraú

setembro 2020
D S T Q Q S S
« ago    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia