WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
faculdade de ilheus faculdade de ilheus faculdade de ilheus

:: ‘Penísula’

Congresso adia as eleições municipais para 15 de novembro

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (1º) a proposta de emenda à Constituição (PEC) que adia para novembro as eleições municipais deste ano em razão da pandemia do novo coronavírus.

Pelo calendário eleitoral, o primeiro turno estava marcado para 4 de outubro, e o segundo, para 25 de outubro. A PEC adia o primeiro turno para 15 de novembro, e o segundo, para 29 de novembro. O texto-base foi aprovado em primeiro turno por 402 votos a 90 (houve 4 abstenções). No segundo turno, a PEC foi aprovada por 407 votos a 70 (houve 1 abstenção).

O texto já foi aprovado pelo Senado e seguirá para promulgação, pelo Congresso Nacional. A sessão está marcada para a manhã desta quinta-feira (2). Na votação em primeiro turno, os deputados aprovaram dois destaques, isto é, modificações no texto. No entanto, técnicos da Câmara explicaram que as mudanças não exigirão que o texto volte para nova análise do Senado.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) tem defendido o adiamento como medida para minimizar o risco de contágio da doença, mas desde que seja ainda para este ano.

Data-limite

Caso um município ou estado não apresente condições sanitárias para realizar as eleições em novembro, o Congresso poderá editar um decreto legislativo designando novas datas para a realização do pleito, tendo como data-limite o dia 27 de dezembro de 2020.

Inicialmente, a proposta aprovada pelos deputados previa que, no caso dos municípios nesta situação, caberia ao TSE definir nova data. No entanto, os parlamentares aprovaram um destaque para modificar a PEC e deixar a regra igual à dos estados.

Outra mudança aprovada foi a supressão de um dispositivo que dizia que caberia ao TSE promover a adequação das resoluções anteriores ao novo calendário. Com isso, o entendimento é que qualquer adequação precisará passar pelo Legislativo..

Outros pontos

Saiba outros pontos previstos na PEC:

  • Registro de candidaturas: O prazo atual é até 15 de agosto. Pelo texto, os partidos poderão solicitar à Justiça Eleitoral o registro dos candidatos até 26 de setembro;
  • Convenções: Hoje, o calendário eleitoral determina que as convenções dos partidos para a escolha de candidatos aconteçam entre 20 de julho e 5 de agosto. Pela PEC, o prazo passa a ser entre 31 de agosto e 16 de setembro e por meio virtual;
  • Propaganda: A PEC altera ainda trecho da legislação eleitoral que proíbe publicidade institucional nos três meses anteriores ao pleito. Pelo texto aprovado, as prefeituras poderão, no segundo semestre deste ano, fazer publicidade institucional de atos e campanhas dos órgãos públicos municipais destinados ao enfrentamento à pandemia do coronavírus e à orientação da população quanto a serviços públicos e a outros temas afetados pela pandemia. Eventuais condutas abusivas serão apuradas.

Datas

A proposta fixa datas para a realização de eventos relacionados à campanha eleitoral. Pelo texto:

  • a partir de 11 de agosto: as emissoras ficam proibidas de transmitir programa apresentado ou comentado por pré-candidato, sob pena de cancelamento do registro do beneficiário;
  • entre 31 de agosto e 16 de setembro: prazo para a realização das convenções para escolha dos candidatos pelos partidos e a deliberação sobre coligações;
  • até 26 de setembro: prazo para que os partidos e coligações solicitem à Justiça Eleitoral o registro de candidatos;
  • após 26 de setembro: prazo para início da propaganda eleitoral, também na internet;
  • a partir de 26 de setembro: prazo para que a Justiça Eleitoral convoque partidos e representação das emissoras de rádio e TV para elaborarem plano de mídia;
  • 27 de outubro: prazo para partidos políticos, coligações e candidatos divulgarem relatório discriminando as transferências do Fundo Partidário e do Fundo Especial de Financiamento de Campanha (Fundo Eleitoral), os recursos em dinheiro e os estimáveis em dinheiro recebidos, bem como os gastos realizados;
  • até 15 de dezembro: para o encaminhamento à Justiça Eleitoral do conjunto das prestações de contas de campanha dos candidatos e dos partidos políticos, relativamente ao primeiro turno e, onde houver, ao segundo turno das eleições;
  • até 18 de dezembro: será realizada a diplomação dos candidatos eleitos em todo país, salvo nos casos em que as eleições ainda não tiverem sido realizadas.

SECRETARIA DE SAÚDE DE MARAÚ NOTIFICA MAIS 3 CASOS SUSPEITOS NA SEDE

A Prefeitura de Maraú, através da Vigilância Epidemiologica da Secretaria Municipal de Saúde, divulgou nesta quarta-feira, 24, mais uma atualização do boletim epidemiológico da COVID-19. A Secretaria de Saúde notificou mais três casos suspeitos de coronavírus na sede do município.

Até a presente data, Maraú contabiliza, 196 casos notificados, 25 casos confirmados, 13 pacientes ativos, 10 pacientes curados, 02 óbitos, 07 suspeitos, 04 aguardando resultado e 31 descartados. Disk Covid (73) 9 9965-9338 – (73) 9 9836-5649.

A Prefeitura de Maraú reforça que todas as medidas de prevenção ao coronavírus. A recomendação do orgão de saúde é para que as pessoas só saiam de casa para irem ao trabalho e em casos de extrema necessidade. Use sempre máscara ao sair de casa, lave suas mãos com frequência. A prevenção ainda é a melhor medida.

ASCOM – Prefeitura de Maraú

MARAÚ ADERE À CAMPANHA NACIONAL DE TURISMO MEU DESTINO É BRASIL

A Prefeitura de Maraú, por meio da Secretaria de Turismo (Sectur), aderiu à campanha nacional de turismo “Meu Destino É Brasil”, uma ação conjunta sobre turismo em âmbito nacional. A iniciativa em parceria com a Secretaria de Turismo do Estado da Bahia, está promovendo a campanha “Meu Destino é a Bahia”, com as 13 zonas turísticas da Bahia serão divulgados na campanha “Meu Destino é Brasil”, neste domingo (21), às 11 horas, numa ação coordenada com o objetivo de fomentar, estimular e contribuir com a retomada do turismo no pós-pandemia em todo o país e, em especial, na Bahia.

De acordo com o Secretário de Turismo do Estado, Fausto Franco, a ideia é que neste horário combinado previamente com os coordenadores das Câmaras Técnicas Turísticas e com representantes do trade turístico, todos postem, simultaneamente, uma foto com as máscaras da campanha, mas adaptando ao seu destino, a exemplo: “Meu Destino é Bahia; “Meu Destino é Maraú” e assim por diante, cada um colocando o destino de sua preferência dentro da Bahia.

Maraú juntamente com todos municípios que fazem parte da Câmara Técnica de Turismo da Costa do Cacau, estará publicando em todas as redes sociais os cards que nesta segunda etada terá como tema a culinária local.

A iniciativa visa formar uma rede solidária para despertar nas pessoas o desejo de explorar o próprio país. “Vamos divulgar intensamente todas as 13 zonas turísticas da Bahia, adaptando o título da campanha para os nomes dessas zonas e destacando seu principal atrativo, algo como ‘Meu Destino é Chapada Diamantina, Aqui tem Turismo de Aventura'”, afirma o diretor Jorge Ávila, da Secretaria do Turismo da Bahia (Setur). Todos os representantes das zonas turísticas baianas estão sendo convidados pela Setur para uma adesão em massa à campanha.

Para participar, basta acessar o site www.meudestinobrasil.com.br e baixar as peças. O participante pode utilizar as artes já prontas e/ou baixar as peças editáveis e personalizá-las de acordo com seu produto ou destino. Aqueles que seguirem a campanha por meio das redes sociais acompanharão as novidades, atualizações da campanha e poderão concorrer a viagens pelo Brasil, quando tudo isso passar.

AÇÕES DA SECRETARIA DE SAÚDE DE MARAÚ CONTRA  A COVID-19

Maraú começou a se preparar e se organizar para o enfrentamento da pandemia mais cedo do que se imagina, em 19 de março 2020, momento em que o Brasil se encontrava no 22° dia da crise com 647 casos 07 óbitos, a Bahia tinha menos de 100 casos, a Secretaria de Saúde realizou reunião com sua equipe técnica da gestão e profissionais das USFs em parceria com outras secretrias, pra tomada de decisões e criação de plano de contingência.

Prefeitura realizou a desinfecção de espaçõs públicos em todo município.

Foram decididas nessa reunião ações como, criação da barreira sanitária, restrição do turismo, funcionamento e operacionalização das unidades de saúde, implantação de quarentena para “chegantes” viajantes, levantamento das aquisições de caráter urgente para manutenção da proteção de seus profissionais e disponibilização de uma assistência adequada para a comunidade.

Vigilância Sanitária de Maraú realiza fiscalização e orientação do nos meios de hospedagens e comércio em geral.

Hoje 14 de junho de 2020, Maraú apresenta em seus dados epidemiológicos o resultado das ações estabelecidas, dos esforções de seus servidores e da COMUNIDADE que entendeu a importância de colocar em pratica as orientações do Ministério da Saúde. Não podemos impedir a chegada de novos casos, mas podemos mitigar o contágio dentro do nosso município.

Compra de equipamentos de proteção indivudual para todos profissionais da saúde.

O ponto crucial no enfrentamento da crise, se encontra na realização de quarentena para as pessoas que retornam de outras cidades. Os “chegantes” permanecem em sua residência por 14 dias (quarentena), período em que a COVID-19 pode se manifestar.  Sendo oportunizada, a realização do isolamento (se necessário), para assim minimizar a possível disseminação do vírus em nosso município.

A Prefeitura de Maraú, através da secretaria de saúde realiza a medição da temperatura corporal das pessoas que tentam entrar na península.

Veja as principais ações até agora:

 

Gestão da saúde

  • Declaração do Estado de Emergência em Saúde, que deu mais agilidade para implementação de serviços necessários ao combate do novo coronavírus.
  • Alteração de fluxo nas Unidade Básicas de Saúde: separação das pessoas que procuram atendimento ainda na porta de entrada, entre os que apresentam sintomas da covid-19 e os que apresentam sintomas de outras doenças.
  • Disponibilização de números de telefone, via aplicativo What’sapp (73) 9 9965-9338 e (73) 9 9836-5649 para a população tirar dúvidas sobre o Coronavírus.
  • Remanejamento de profissionais: as mudanças permitem colocar mais profissionais na linha de frente contra a covid-19.
  • Obrigatoriedade de uso de máscaras pela população
  • Aumento das compras de álcool gel, luvas, máscaras e demais equipamentos de segurança
  • Instalação de totens com dispenser de álcool em Gel em todas as unidades de saúde
  • Testagem de pacientes sintomáticos em conveniência com protocolos nacionais e estaduais;
  • Testes rápidos para Profissionais da Saúde, Profissionais de Segurança Pública, e contatos direto de casos confirmados
  • Monitoramento dos suspeitos e contatos diretos que estão em isolamento domiciliar
  • Fiscalização da Vigilância Sanitária nos estabelecimentos com orientações e abordagens
  • Higienização Sanitária nos bairros da sede e distritos
  • Campanhas educativas nas redes sociais e carro de som
  • Presença da equipe da Saúde em barreiras sanitárias e verificação de temperatura
  • Realiza barreira sanitária no povoado do Caubi, monitorando a entrada e saída de pessoas da cidade.
  • Suspendeu a realização de feiras da agricultura familiar
  • Reforma do PSF de Barra Grande com recursos próprios
  • Realização de desinfecção de veículos na barreira sanitária no Caubi

 

Presidente do TSE diz que eleição pode acontecer dia 29 de novembro

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, já tem suas datas favoritas para a realização das eleições municipais deste ano.Segundo informações da coluna de Lauro Jardim, do jornal O Globo, as datas preferidas do ministro são o dia 29 de novembro, para a realização do primeiro turno, e o dia 13 de dezembro para o segundo turno.

No entanto, conforme a publicação, Barroso não ofereceria resistência se o Congresso escolhesse 15 de novembro para l primeiro turno e 6 de dezembro para o segundo turno. Foram essas as datas sugeridas pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM), e o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM).

Conheça melhor os serviços da ESCOPOWER, a sua empresa de energia solar em Barra Grande 

 

Energia solar: Quais opções para empresas, comércios e residências durante e depois da quarentena?

A queda no consumo de energia e o aumento da inadimplência no pagamento da conta de luz em função do novo CORONAVÍRUS, tiveram um impacto negativo sobre as distribuidoras do setor, levando-as a pedir ajuda do governo. Porém, esse empréstimo do governo ao setor energético deverá ser repassado aos consumidores, por meio de uma taxa adicional na conta de luz já no início do próximo ano.

Nesse cenário de aumento na conta de luz e maior consumo de energia, se torna ainda mais vantajoso produzir energia nas empresas, comércios e residências utilizando painéis solares. Afinal, essa tecnologia permite uma redução incontestável que pode chegar até 95% na conta de luz e protege os usuários contra os aumentos de tarifa e ajuda a reduzir os problemas no abastecimento, aliviando o sistema elétrico.

Mas você sabe quais são os benefícios da energia solar? Como esse sistema pode ajudar as empresas, comércios e as residências a ter maior autonomia no uso de energia e reduzir gastos? Com a geração solar, é possível gerar créditos energéticos que são acumulados e
utilizados por um prazo de até cinco anos. Portanto, essa opção se mostra vantajosa mesmo para empresas, comércios e residências que investiram no sistema fotovoltaico e agora estão com as suas atividades paralisadas.

Outro benefício é que a energia solar, como todas as energias renováveis, não polui. Ela também não apresenta qualquer tipo de poluição sonora, diferentemente de outras fontes de energia. Além disso, a tecnologia fotovoltaica está cada vez mais acessível aos consumidores, devido ao aumento de capacidade de produção e à queda nos preços dos painéis fotovoltaicos. Uma vez que os bancos continuam a oferecer linhas de financiamento para a energia solar, esse momento se mostra bastante favorável para a aquisição do sistema solar.

O RSI (Retorno Sobre Investimento) para a aquisição desse sistema vale muito a pena, uma vez que ele acaba sendo totalmente pago em pouco tempo e a vida útil dos painéis é de até 25 anos em sua capacidade máxima. Porém, para fazer a transição para a energia solar de modo eficiente, é importante contar com a ajuda de uma consultoria energética com profissionais especializados. Eles são capazes de orientar sobre questões importantes, como:

* Qual é o melhor tipo de energia solar a ser adotado;
* Como escolher um painel solar;
* Quantos painéis serão necessários;
* Qual a melhor posição geográfica para captar os raios solares;
* Quais são os custos de instalação;
* Como fazer a manutenção dos painéis solares.

Para que se obtenha um desempenho superior no uso de energia, vale a pena conhecer as soluções oferecidas pela ESCOPOWER SOLAR.

A empresa conta com profissionais preparados e um mix de produtos relacionados com a energia elétrica e solar, com a finalidade de trazer mais conhecimento e ajudar na busca pela melhor forma de economizar. Dentre os serviços oferecidos, está também a ESCOPOWER GERADORES, com 25 anos de experiência no setor de geração própria por Grupos Geradores à diesel para emergência. Em conjunto, será plenamente possível produzir a própria energia, com um custo de instalação e operacional muito mais reduzido e um altíssimo grau de eficiência.

Como vimos, o uso de energia solar possibilita às empresas, comércios e residências economizar energia elétrica e reduzir gastos, algo importante num período de crise e redução de demanda como o atual. Tem sempre um sistema com a capacidade e o custo compatível para qualquer situação. Não existe impossibilidade técnica ou econômica. Toda possibilidade de economia é válida. Quer conhecer melhor os serviços da ESCOPOWER? Entre em contato conosco! Os profissionais da nossa equipe terão o maior prazer em atendê-lo e esclarecer quaisquer dúvidas.

Por: Sérgio Augusto de Melo

(73) 3012-2222 (73) 9 8802-4111 (73) 9 8802 7000

email: [email protected]

PREFEITURA DE MARAÚ INSTALA TOTENS COM ÁLCOOL EM GEL EM TODOS POSTOS DE SAÚDE

A prefeitura de Maraú, através da Secretaria de Saúde adquiriu totens com dispenser de álcool em gel, com pedal para ajudar na higiene das mãos e no enfrentamento ao coronavírus. Os equipamentos já estão sendo instalados em todas as unidades de saúde do município.

Os equipamentos possuem um sistema de dispensação do produto que deve ser acionado na base, com ajuda dos pés. Reforçamos que a recomendação principal é de que a população fique em casa, para evitar a proliferação da Covid-19. Se for necessário sair às ruas, é indispensável e obrigatório o uso da máscara de proteção.

Os equipamentos vão auxiliar na higienização da população que busca atendimento no serviço público, garantindo a segurança do cidadão e dos servidores públicos e reduzindo a possibilidade de contaminação e transmissão do coronavírus.

ASCOM – Prefeitura de Maraú 

julho 2020
D S T Q Q S S
« jun    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia