WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
pousada cravo canela

:: ‘Barra Grande’

Após decreto da prefeitura, começa bloqueios nas entradas Península de Maraú 

A prefeita de Maráu, Gracinha Viana, assinou nesta sexta-feira (20) o decreto nº 1229/2020, que estabelece uma série de medidas de enfrentamento e precaução, a fim de evitar a disseminação da pandemia do Covid-19 em todo município. Uma dessas medidas é a suspensão das visitas turísticas ao município e o fechamento do comércio local.

Está permitido, desde que se adote as medidas estabelecidas para prevenção ao contágio do Covid-19, serviços essenciais como: farmácias, mercados, padarias,  postos de gasolina e revendedores de gás e água. O decreto proíbe o funcionamento de hoteis, pousadas, bares, restaurantes, boates, casas de shows e demais comércios.

A travessia Camamu/Barra Grande fica suspensa para turistas, sendo apenas permitido o tráfego de moradores. Agentes da prefeitura de Maraú com apoio da polícia militar estão intensificando as fiscalizações. A única entrada terrestre da Península de Maraú está sendo monitorada por agentes do poder público.

DECRETO SUSPENDE VISITAÇÃO TURÍSTICA E DETERMINA FECHAMENTO DO COMÉRCIO NA PENÍNSULA DE MARAÚ

A prefeita de Maráu, Gracinha Viana, assinou nesta sexta-feira (20) o decreto nº 1229/2020, que estabelece uma série de medidas de enfrentamento e precaução, a fim de evitar a disseminação da pandemia do Covid-19 em todo município. No município não há nenhum caso confirmado da doença e não há motivo para pânico, já que o governo municipal trabalha com a prevenção relacionada à propagação do vírus.

O decreto leva em consideração a preocupação com o avanço do novo Coronavírus na Bahia e o elevado número de turistas que o Município de Maraú recebe em todas as estações do ano, em razão de suas belezas naturais reconhecidas mundialmente.

Entre algumas das medidas adotadas, está a suspensão por 15 (quinze) dias: Todos os eventos públicos e privados de qualquer natureza, atividades em feira, inclusive feiras livres, academias, restaurantes, bares, boates, salão de cabelereiro, casas de shows e demais comércios.

No decreto está proibido também as atividades de atrativos naturais, compreendido passeios e visitações a
cachoeira, praias e rios. Fica suspenso também atividades de hospedagem, tais como: pousadas, hotéis, casas de temporada e camping. A recepção e excursões e demais meios de transportes coletivos para turistas estão suspensas.

Os bares e restaurantes instalados em estabelecimento de hospedagem, para atendimento exclusivo dos hospedes que já se encontrem hospedados na data de publicação deste Decreto deverão observar, na organização de suas mesas, a distância mínima de 2(dois) metros entre elas.

Aos estabelecimentos afetados pelas medidas estabelecidas neste ato, orienta-se a observância do disposto no Decreto-Lei n°. 5.452/1943 (CLT), no tocante a possibilidade de concessão de férias coletivas. As Autoridades Administrativas competentes, no exercício do Poder de Polícia, ficam incumbidas de fiscalizarem o cumprimento do presente Decreto e demais normas pertinentes a matéria.

O decreto está publicado no Diário Oficial do Município e já está em vigor. A decisão municipal não altera o funcionamento de serviços essenciais de abastecimento nem de prevenção, como mercados, mercearias, supermercados, padarias, farmácias e postos de combustível.

ASCOM – Prefeitura de Maraú

CLIQUE AQUI E BAIXE O DECRETO

 

 

Maraú: Travessia Camamu/Barra Grande deve ser suspensa por causa do coronavírus

 

As lanchas rápidas que fazem a travessia Camamu/Barra Grande não poderão fazer o transporte de turistas. A medida visa previnir o contágio por coronavírus na península de Maraú. O transporte deve ficar restrito apenas para moradores. O decreto da prefeitura de Maraú que proibirá esse tipo de transporte coletivo de turismo deve ser publicado na manhã da próxima sexta-feira, 20.

Os passeios turísticos para as Ilhas pertencente ao município de Maraú, como Goió e Sapinho e para o povoado do Campinho, também estará suspenso para visitantes. Passeios para a cachoeira de Tremembé também vai ser proibido.

Maraú: Pousadas e restaurantes começam a suspender atividades em Barra Grande, por causa do coronavírus

O trade turístico de Barra Grande, na Península de Maraú, vem aderino voluntariamente ao isolamento social por conta do coronavírus. O objetivo é ajudar no controle da chegada do Covid-19 em Barra Grande. Vários estabelecimentos estarão fechados por tempo indeterminado.

A preocupação de todos é com a saúde e está em consonância com as medidas de prevenção determinadas por decreto pela prefeitura de Maraú. Nos mercados da península, já começa faltar álcool em gel.

O trade turístico espera que com a diminuição do fluxo de turistas e visitantes na região a possível redução no risco de contágios aos residentes. A prefeitura deve publicar mais um decreto com mais restrições como forma de prevenção ao COVID-19. Casas de shows como Santo Forte e Lá em Casa também foram fechados.

Secretário de Saúde diz que Bahia deve ter mais de 100 casos de coronavírus ainda neste fim de semana

O secretário de Saúde, Fábio Vilas Boas, afirmou na tarde desta quinta-feira (19), em live transmitida nas redes sociais da Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), que a Bahia deve contabilizar mais de 100 casos do novo coronavírus ainda neste fim de semana.

Até o momento, são 30 pessoas diagnosticadas em todo o estado, mas este número deve aumentar ainda nesta quinta-feira, de acordo com o titular da Sesab. Fábio Vilas Boas alertou para a rápida progressão do ˜quadro epidêmico˜ na Bahia, que registrou um aumento de 50% dos casos em 24h, e reforçou que o isolamento social ainda é a melhor medida, já que uma vacina para a doença só deve estar pronta no mínimo em um ano.

“Estamos evoluindo em uma progressão rápida desse quadro epidêmico e precisamos fazer com que essa velocidade de crescimento seja reduzida. Temos varias estratégias. A mais eficiente delas é ficar longe de outras pessoas, quem contamina são as pessoas, não é o inseto como no caso da dengue, não se contamina respirando o ar na sala que a outra pessoa está respirando, como a tuberculose. Precisa que alguém contamine pela gotículas de saliva, pra isso tem q estar perto, ou se a pessoa eliminou alguma secreção e uma superfície como uma mesa e você passou a mão na boca, olho, vai lhe contaminar”, explica.

Apesar do aumento de casos, o secretário tranquilizou a população quanto à gravidade do COVID-19, que em 85% das pessoas, segundo ele, deve se apresentar com os sintomas de uma simples gripe. Apenas 15% das ocorrências apresentam sintomas mais graves como falta de ar.  Somente 3% dos infectados acabam morrendo, mas o taxa aumenta de acordo com a idade, sendo particularmente mais letal entre os idosos.

Bahia tem 28 casos confirmados do novo coronavírus; 5 casos em Porto Seguro

O Laboratório de Saúde Pública do Estado da Bahia (Lacen) confirmou o diagnóstico de dez novos casos do novo coronavírus (Covid-19). Os novos casos são de residentes em Salvador (8) e Porto Seguro (2). As vigilâncias municipais ainda investigam o histórico dos pacientes a fim de aferir se há ou não transmissão comunitária.

De janeiro até às 18 horas desta quarta-feira (18), a Bahia registrou 747 casos notificados com suspeita clínica de infecção pelo novo coronavírus, sendo 28 confirmados nos municípios de Salvador (17), Feira de Santana (5), Porto Seguro (5) e Prado (1). Outros 335 aguardam análise laboratorial e os demais foram descartados. No total, 46 municípios fizeram notificação.

NOTA INFORMATIVA DA SECRETARIA DE SAÚDE DE MARAÚ SOBRE CORONAVÍRUS

A Prefeitura Municipal de Maraú, através da Secretaria Municipal de Saúde comunica a população em geral que até o exato momento NÃO existe caso confirmado de Coronavírus no Município de Maraú.

Lembrando que casos suspeitos são: Pessoa que, nos últimos 14 dias, retornou de viagem internacional de qualquer país e apresente: Febre e pelo menos um dos sintomas respiratório como: tosse, dificuldade para respirar, produção de escarro, congestão nasal ou conjuntival, dificuldade para deglutir, dor de garganta, coriza; ou pessoa que, nos últimos 14 dias, teve contato próximo de caso suspeito ou confirmado para Coronavírus e apresente sintomas.

A recomendação do Ministério da Saúde para os casos suspeitos GRAVES é que os pacientes sejam hospitalizados. Já para os casos suspeitos mais LEVES não há a necessidade de hospitalização, sendo acompanhados por equipes de saúde dos municípios e instituídas medidas de precaução domiciliar.

Com base nisso, orientação para a população sobre a conduta que deve ser adotada diante de uma situação de isolamento domiciliar de casos suspeitos ou, porventura, confirmados são:

 

  • Você deve limitar todas as atividades fora de sua casa, exceto para obter assistência médica. Não vá para o trabalho, escola ou áreas públicas e não use transporte público ou táxi/passeio.
  • Use uma máscara quando estiver na mesma sala com outras pessoas. Se você não pode usar uma máscara, as pessoas que vivem com você devem usar uma enquanto estiverem na sala com você.
  • Lave as mãos frequentemente e completamente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Use álcool gel a 70% se não houver água e sabão e se suas mãos não estiverem visivelmente sujas. Evite tocar seus olhos, nariz e boca.
  • Cubra a boca e o nariz com um lenço de papel quando tossir ou espirrar, ou você pode tossir ou espirrar na parte interna da dobra do braço, e lave imediatamente as mãos com água e sabão por pelo menos 20 segundos.
  • Evite compartilhar itens domésticos. Não compartilhe pratos, copos, xícaras, utensílios de cozinha, toalhas, roupas de cama ou outros itens com outras pessoas em sua casa. Depois de usar esses itens, você deve lavá-los cuidadosamente com água e sabão.
  • Limite as pessoas em casa àqueles que prestam cuidados. Restrinja os visitantes que não precisam estar em casa. Outros membros da família devem ficar em outra casa ou local de residência. Se isso não for possível, outros membros da família devem ficar em outra sala ou serem separados da pessoa doente o máximo possível. A pessoa doente deve usar um banheiro separado, se disponível.
  • Limpe superfícies como balcões, mesas, maçanetas, louças, banheiros, telefones, teclados, tablets e mesas de cabeceira pelo menos uma vez por dia. Limpe imediatamente todas as superfícies que contenham sangue ou outros fluidos corporais.

Todas as Unidades de Saúde da Família do Município, estão abertas e funcionando normalmente, porém para evitar aglomerações e possíveis contaminação estaremos suspendendo alguns programas, conforme estabelecido pelo Ministério da Saúde.

Em caso de suspeita do coronavírus, entrar em contato, com a secretaria Municipal de Saúde através dos telefone (73) 3258-2269, (73) 99946-9956, (73) 98109-9165 (73) 99806-0386.

ASCOM – Prefeitura de Maraú

junho 2020
D S T Q Q S S
« maio    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia