WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: 2/set/2020 . 22:37

Neto Madeireira de Barra Grande será o vice de Manassés na corrida pela prefeitura de Maraú

Manassés ao lado da prefeita Gracinha Viana e de Neto Madeireira.

A pré-candidatura de Manassés (PP) à Prefeitura de Maraú ganha reforço de peso e prestígio: o ex-vereador e ex-secretário de infraestrutura, José Viana da Silva Neto, de 42 anos, conhecido como Neto Madeireira, de Barra Grande foi definido como pré-candidato a vice. O anúncio foi feito pelo pré-candidato a prefeito Manassés, ao lado da prefeita de Maraú, Gracinha Viana e membros do grupo político. 

Informações do site Políticos do Sul da Bahia

 

NÚMERO DE CURADOS DA COVID-19 SOBE PARA 292 EM MARAÚ

O município de Maraú registrou 6 novos casos positivos da COVID-19, e 5 novos curados de acordo com o boletim da Secretaria de Saúde desta quarta-feira, 02. Os novos casos positivos: 4 na Ilha do Sapinho e 2 em Taipu de Dentro, além de 5 novos curados na Ilha do Sapinho.

A Vigilância Epidemiológica registrou 2 novos casos suspeitos na Sede e 01 caso descartado na Ilha do Sapinho. Maraú tem 1 óbito por outras causas, já que um paciente infectado com a COVID-19, morreu em decorrência de outra patologia.

Até a presente data, Maraú contabiliza, 313 casos confirmados, 292 pacientes recuperados, 14 ativos, 6 óbitos, 24 suspeitos, 24 aguardando resultado e 264  casos negativos. Disk Covid (73) 9 9965-9338 – (73) 9 9836-5649.

A Secretaria Municipal de Saúde orienta a população a reforçar as medidas sanitárias definidas para evitar a disseminação da COVID-19, utilizando máscaras caseiras, realizando a higienização adequada das mãos, evitando contato físico (mantendo a distância mínima de 2 metros entre as pessoas) e se mantendo em domicílio sempre que possível.

ASCOM – Prefeitura de Maraú

 

Candidatos a prefeito de Maraú podem gastar até R$ 123.077,42 e 12.307,75 para vereador na campanha eleitoral, diz TSE

Candidatos à Prefeitura de Maraú podem gastar na campanha eleitoral até R$ 123.077,42. Já os candidatos à vaga na Câmara Municipal podem gastar até R$ 12.307,75. Os limites podem ser consultados neste link e, em breve, serão disponibilizados também no sistema DivulgaCandContas.

Segundo a Lei das Eleições (artigo 18-C), o limite de gastos das campanhas dos candidatos a prefeito e a vereador, no respectivo município, deve equivaler ao limite para os respectivos cargos nas Eleições de 2016, atualizado pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), apurado pela Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), ou por índice que o substitua. Para as eleições deste ano, a atualização dos limites máximos de gastos atingiu 13,9%, que corresponde ao IPCA acumulado de junho de 2016 (4.692) a junho de 2020 (5.345).

Quem desrespeitar os limites de gastos fixados para cada campanha pagará multa no valor equivalente a 100% da quantia que ultrapassar o teto fixado, sem prejuízo da apuração da prática de eventual abuso do poder econômico.

Nas campanhas para segundo turno das eleições para prefeito, onde houver, o limite de gastos de cada candidato será de 40% do previsto no primeiro turno.

Despesas

O limite de gastos abrange a contratação de pessoal de forma direta ou indireta, que deve ser detalhada com a identificação integral dos prestadores de serviço, dos locais de trabalho, das horas trabalhadas, da especificação das atividades executadas e da justificativa do preço contratado.

Entra também nesse limite a confecção de material impresso de qualquer natureza; propaganda e publicidade direta ou indireta por qualquer meio de divulgação; aluguel de locais para a promoção de atos de campanha eleitoral; e despesas com transporte ou deslocamento de candidato e de pessoal a serviço das candidaturas.

A norma abrange, ainda, despesas com correspondências e postais; instalação, organização e funcionamento de comitês de campanha; remuneração ou gratificação paga a quem preste serviço a candidatos e partidos; montagem e operação de carros de som; realização de comícios ou eventos destinados à promoção de candidatura; produção de programas de rádio, televisão ou vídeo; realização de pesquisas ou testes pré-eleitorais; criação e inclusão de páginas na internet; impulsionamento de conteúdo; e produção de jingles, vinhetas e slogans para propaganda eleitoral.

Outras regras

Segundo a Lei das Eleições, serão contabilizadas nos limites de gastos as despesas efetuadas pelos candidatos e pelos partidos que puderem ser individualizadas.

Já os gastos com advogados e de contabilidade ligados à consultoria, assessoria e honorários, relacionados à prestação de serviços em campanhas eleitorais, bem como de processo judicial relativo à defesa de interesses de candidato ou partido não estão sujeitos a limites de gastos ou a tetos que possam causar dificuldade no exercício da ampla defesa. No entanto, essas despesas devem ser obrigatoriamente declaradas nas prestações de contas.

A lei dispõe, ainda, que o candidato será responsável, de forma direta ou por meio de pessoa por ele designada, pela administração financeira de sua campanha, seja usando recursos repassados pelo partido, inclusive os relativos à cota do Fundo Partidário, seja utilizando recursos próprios ou doações de pessoas físicas.

Além disso, o partido político e os candidatos estão obrigados a abrir conta bancária específica para registrar toda a movimentação financeira de campanha. (TSE)

Acesse a tabela com os limites de gastos por município.

COM 20.617 HABITANTES, POPULAÇÃO DE MARAÚ É MAIOR QUE A DE UBAITABA, DIZ IBGE

Vista aérea da sede de Maraú | Foto: Darlim Santos

A estimativa da população divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) aponta que Maraú tem 20.617 habitantes em 2020. As informações foram divulgadas pelo instituto na última quinta-feira (28) e refere-se a estimativa com o total de habitantes dos municípios até 1º de julho de 2020.

Segundo o IBGE, a população brasileira foi estimada em 211,8 milhões de habitantes – aumento de 0,77% na comparação com a população estimada do ano passado. Ainda de acordo com o IBGE, Maraú é mais populoso que o município de Ubaitaba que tem aproximadamente 18.847 habitantes. Já Itacaré, conta com 28.684 habitantes.

Decreto do governo da Bahia autoriza realização de eventos com até 100 pessoas

Um decreto publicado na edição desta quarta-feira (2) do Diário Oficial do Estado, liberou a realização de eventos com até 100 pessoas na Bahia. A medida é uma substituição a um artigo do decreto 19.586, de 27 de março, que suspendia eventos com a presença de público superior a 50 pessoas.

Agora, segundo texto publicado no D.O. desta quarta, ficam suspensos, em todo território do Estado da Bahia, até o dia 13 de setembro de 2020, “os eventos e atividades com a presença de público superior a 100 (cem) pessoas, ainda que previamente autorizados, que envolvem aglomeração de pessoas, tais como: eventos desportivos, religiosos, shows, feiras, circos, eventos científicos, passeatas e afins, bem como aulas em academias de dança e ginástica”.

Ou seja, eventos com até 100 pessoas podem ser realizados. O decreto 19.586, publicado em março deste ano, reúne 24 artigos, com diversas medidas de combate à propagação do coronavírus no estado, como: obrigação de isolamento domiciliar a quem for diagnosticado com a Covid-19, restrição do transporte intermunicipal, suspensão da saída e a chegada de ônibus interestaduais na Bahia, entre outras determinações.

De acordo com dados da Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), até o fim da manhã desta quarta-feira (2), a Bahia já havia registrado 259.418 casos confirmados da Covid-19, com 5.448 mortes.

Confira mais notícias do estado no G1 Bahia.

setembro 2020
D S T Q Q S S
« ago    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia