WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
faculdade de ilheus faculdade de ilheus faculdade de ilheus

:: 19/jul/2020 . 21:12

Bahia tem mais de 360 policiais civis diagnosticados com Covid-19, diz sindicato

A Bahia tem mais de 360 policiais civis diagnosticados com a Covid-19 e seis morreram, segundo informações do Sindicato dos Policiais Civis do estado (Sindpoc). A instituição reclama da falta de medidas contra a doença tomadas pelo órgão e pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA).

De acordo com o Sindpoc, na última semana, 15 policiais de uma delegacia de Salvador se contaminaram com a Covid-19 e 26 em Camaçari, região metropolitana de Salvador.

“Não tem controle de acesso de pessoas, não tem higienização de área. Os policiais civis estão a mercê da sua própria sorte. Não há por parte da Polícia Civil e da SSP uma preocupação para distribuir EPI e ampliar os registros de boletins de ocorrências de forma digital. Tudo é feito de forma presencial, então as delegacias hoje são centros de proliferação de covid”, reclamou o presidente do Sindpoc, Eustácio Lopes.

“Os presos chegam sem máscaras, são colocados na custódia sem fazer teste para covid, chegam contaminados e contaminam os presos e policiais, que podem contaminar a população”.

Um policial civil, que preferiu não revelar a identidade, está se tratando da Covid-19 em casa, mas reclama que está com dificuldades de fazer os exames através do plano de saúde.

“Fui fazer o exame de sorologia, IGG e IGM, e quando cheguei no laboratório, agendei direitinho… Cheguei lá, fiquei em torno de três horas esperando e o plano não liberou. Aí entrei em contato no mesmo momento e me falaram que estavam em análise”, contou.

“Eu não sei se estou apto para voltar a trabalhar. Meu atestado acaba agora e eu sinceramente não sei. Não tem um protocolo já predeterminado para dizer que estou apto”.

Os números de policiais infectados apresentados pelo sindicato divergem dos apresentados pela Polícia Civil. Por meio de nota, a polícia informou que o departamento médico registrou cinco mortes de servidores por causa da Covid-19.

A polícia também informou que, até quinta-feira (16), haviam sido confirmados 282 casos da doença entre servidores. O órgão disse que até momento o departamento médico não recebeu os resultados dos exames confirmando as contaminações dos policiais da 9ª delegacia da Boca do Rio.

Com relação a denúncia do sindicato de falta de equipamentos de proteção, a Polícia Civil disse que desde o início da pandemia já foram adquiridos mais de 60 mil itens como máscaras descartáveis e reutilizáveis, luvas, protetores de face e aventais descartáveis. Também contou que esses itens são distribuídos regularmente para as unidades, que os retiram no almoxarifado.

Confira mais informações do estado no G1 Bahia.

DESEMBARGADOR É FLAGRADO SEM MÁSCARA, LEVA MULTA E CHAMA GUARDA-CIVIL DE “ANALFABETO”

O desembargador Eduardo Almeida Prado Rocha de Siqueira foi filmado tentando humilhar um guarda-civil municipal em Santos (SP). O magistrado chama o guarda-civil de “analfabeto” ao ser multado por circular sem máscara facial. A multa foi aplicada quando o desembargador do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) fazia caminhada na praia. O uso da máscara é obrigatório em São Paulo, desde 7 de maio, conforme decreto estadual.

O guarda pede, “por favor”, para que o desembargador use máscara. Ele reage afirmando que decreto não é lei. Em seguida, ao receber o comunicado da infração, ele rasga o documento na frente do guarda e – mostrando o quanto é educado – joga o papel no chão.

Enquanto o guarda preenche o documento de infração, o desembargador diz que está falando com o titular da Secretaria de Segurança de Santos. “Eu estou aqui com um analfabeto”, mostra vídeo que circula nas redes sociais.

Com a repercussão do vídeo nas redes sociais, veio a reação do Tribunal de Justiça de São Paulo, que informou “imediata instauração de procedimento de apuração dos fatos”. “O TJSP não compactua com atitudes de desrespeito às leis, regramentos administrativos ou de ofensas às pessoas”. Ainda em nota, o Tribunal aponta o cuidado com as normas de cuidado e preservação da saúde de todos. (Pimenta)

SECRETARIA DE SAÚDE CONFIRMA TERCEIRA MORTE POR COVID-19 EM MARAÚ

A Secretaria de Saúde de Maraú confirmou neste domingo, 19 de julho, a terceira morte em decorrência da COVID-19. Trata-se de uma mulher, de 33 anos, que estava internada em um hospital de Ilhéus e faleceu neste domingo, 19. De acordo com o boletim, também foram notificados mais 6 casos suspeitos: 02 na Sede, 02 em Barra Grande e 02 em Ibiaçú. Foram descartados dois casos em Ibiaçú.

Até a presente data, Maraú contabiliza, 160 casos confirmados, 38 pacientes curados, 120 ativos, 03 óbitos, 97 suspeitos, 97 aguardando resultado e 84 casos negativos. Disk Covid (73) 9 9965-9338 – (73) 9 9836-5649.

A Secretaria Municipal de Saúde orienta a população a reforçar as medidas sanitárias definidas para evitar a disseminação da COVID-19, utilizando máscaras caseiras, realizando a higienização adequada das mãos, evitando contato físico (mantendo a distância mínima de 2 metros entre as pessoas) e se mantendo em domicílio sempre que possível.

ASCOM – Prefeitura de Maraú

PREFEITURA DE MARAÚ EMITE NOTA DE PESAR PELO FALECIMENTO MICHELE SILVA

A Prefeitura de Maraú, através da Secretaria de Saúde, vem a público externar pesar pelo falecimento de Michele Silva, ocorrido neste domingo (19), em Ilhéus. Vítima de covid-19, estava internada lutando pela vida, mas faleceu aos 33 anos deixando 3 filhos e dezenas de amigos.

A Prefeitura e todos os marauenses solidarizam-se com familiares e amigos neste momento de dor. A todos, nossos sinceros sentimentos pela perda irreparável. Rogamos ao Pai eterno que conforte os corações de todas aquelas pessoas que choram por sua partida.

ASCOM – Prefeitura de Maraú

 

julho 2020
D S T Q Q S S
« jun   ago »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia