WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
faculdade de ilheus faculdade de ilheus faculdade de ilheus

:: 8/jul/2020 . 23:26

Fundador da Ricardo Eletro e a filha são presos acusados de sonegação de imposto

O fundador da empresa Ricardo Eletro, Ricardo Nunes, e a filha, Laura, foram presos temporariamente, acusados de sonegação de imposto. O empresário Ricardo Nunes foi preso em São Paulo e levado para Belo Horizonte no fim da tarde desta quarta (8). A filha dele, Laura Nunes, foi presa na capital mineira.

Um diretor da empresa é considerado foragido. A força-tarefa, formada pela Receita Estadual de Minas, Ministério Público e Polícia Civil, cumpriu 14 mandados de busca e apreensão e investiga um esquema milionário de sonegação de impostos.

A força-tarefa afirma que a fraude funcionava assim: um consumidor ia em uma das lojas e comprava uma televisão, por exemplo, no valor de R$ 3 mil. A alíquota de ICMS em Minas para esse tipo de equipamento é de 18%. A empresa cobrava os R$ 540 do consumidor, mas não repassava à Receita Estadual. A investigação aponta que o empresário desviava o dinheiro para comprar imóveis e participações em empresas e colocava tudo em nome da filha, Laura, do irmão e da mãe, que tem 80 anos.

“Foi aí que a gente levantou e falou ‘opa, a empresa está faturando, não está recolhendo e o patrimônio dela está crescendo’. Então, foi por isso que pedimos sequestro a fim de ressarcir o estado de Minas Gerais”, explica Vitor Abdala, delegado da Polícia Civil (MG).

O governo de Minas estima que deixou de arrecadar R$ 387 milhões em oito anos. “Na realidade, a empresa declara, efetivamente, o débito que ela deve, só que não faz os pagamentos. Fazia diversos parcelamentos e não os cumpria”, destaca Antônio Castro Vaz de Melo Filho, superintendente da Secretaria estadual da Fazenda (MG).

Os investigadores concluíram que, quando Ricardo Nunes dirigia a Ricardo Eletro, a empresa tinha dinheiro em caixa para pagar os impostos, mas não pagava de propósito. Além da sonegação fiscal, o empresário e os outros suspeitos também vão responder por lavagem de dinheiro e apropriação indébita.

A Justiça bloqueou R$ 60 milhões em bens, mas a investigação acredita que o patrimônio dos suspeitos acumulado ilegalmente seja bem maior. Ricardo Nunes deixou a empresa no ano passado. Hoje, a Ricardo Eletro pertence a outro grupo.Promotores de outras regiões já pediram o compartilhamento das provas. “A prática é rigorosamente a mesma. Na Bahia, no Ceará, na Paraíba e no Rio de Janeiro”, destaca Fabio Nazareth, promotor do Ministério Público de Minas Gerais.

Na noite desta quarta (8), a pedido do Ministério Público, a Justiça revogou a prisão de Laura Nunes. Os promotores afirmaram que ela foi ouvida e colaborou com a investigação. A defesa dela é a mesma do pai e disse que, nesta quinta (9), Ricardo Nunes vai prestar todos os esclarecimentos e colaborar com as investigações.

A defesa do diretor da empresa, Pedro Daniel, que era considerado foragido, disse que a Justiça revogou a ordem de prisão e que vai se apresentar às autoridades para prestar esclarecimento.

A Ricardo Eletro afirmou que Ricardo Nunes e parentes dele não fazem mais parte da companhia desde o ano passado, que a operação de hoje faz parte de processos anteriores à atual gestão, e que estava em discussão avançada com o estado de Minas Gerais sobre o pagamento dos tributos passados.

SECRETARIA DE SAÚDE DE MARAÚ CONFIRMA PRIMEIRO CASO DA COVID-19 NO POVOADO DO TABULEIRO

A Secretaria de Saúde de Maraú confirmou hoje, dia 08/07, o primeiro caso positivo de coronavírus no povoado do Tabuleiro, na zona rural. Trata-se de uma criança que teve contato com um caso positivo da cidade de Aurelino Leal. A Vigilância Epidemiológica registrou 18 novos casos suspeitos da doença no município.

Os novos casos suspeitos são: 06 em Barra Grande, 01 no Cassange, 04 em Ibiaçú, 02 em Piabanha, 02 em Algodões, 01 na sede e 02 no Tabuleiro. Além disso, foram descartados um caso suspeito no Saleiro e um em Barra Grande. Até a presente data, Maraú contabiliza, 45 casos confirmados, 27 pacientes curados, 16 ativos, 02 óbitos, 45 suspeitos, 45 aguardando resultado e 48 casos negativos. Disk Covid (73) 9 9965-9338 – (73) 9 9836-5649.

A Secretaria Municipal de Saúde orienta a população a reforçar as medidas sanitárias definidas para evitar a disseminação da COVID-19, utilizando máscaras caseiras, realizando a higienização adequada das mãos, evitando contato físico (mantendo a distância mínima de 2 metros entre as pessoas) e se mantendo em domicílio sempre que possível.

ASCOM – Prefeitura de Maraú

SOBE PARA 327 NÚMERO DE CASOS CONFIRMADOS DE CORONAVÍRUS EM CAMAMU

A prefeitura de Camamu, através da Secretaria Municipal de Saúde, informa que hoje quarta-feira (08/07), foram diagnosticados mais 34 (trinta e quatro) novos casos, desses:

📍22 pacientes da sede;
📍03 pacientes de Orojó;
📍02 pacientes de Acaraí;
📍02 pacientes de Travessão;
📍04 pacientes da Tabela;
📍01 paciente do Garcia.

Contabilizamos 48 pacientes recuperados e aguardamos 03 resultados do Lacen.

 

julho 2020
D S T Q Q S S
« jun   ago »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia