WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
pousada cravo canela

:: 3/maio/2020 . 16:15

Voluntárias Sociais em parceria com prefeitura de Maraú doam cestas básicas à população de Barra Grande

Equipes do Voluntárias Sociais, acompanhados de agentes da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e do vereador Gustavo Magalhães, entregaram cerca de 75 cestas básicas nas comunidades do Mangue Verde e Rua da Vítória. Além das cestas, também foram doados à população cerca de 150 máscaras de tecido para proteção individual.

“Todas as doações são muito bem vindas. Estamos passando por uma pandemia, é uma situação crítica tanto do ponto de vista sanitário quanto financeiro e, precisamos dessa união para fortalecer nossas comunidades”, afirmou a  secretária de Desenvolvimento Social de Maraú, Anaildes Porto.

A prefeita Gracinha também agradeceu ao Voluntárias Sociais e avaliou a ação como muito importante por ajudar muitas famílias da cidade. “Uma outra parte das cestas será destinada para as famílas da sede, Campinho e Taipu de Dentro.” concluiu.

O turismo na península foi gravemente afetado pela pandemia da Covid-19, e vários profissionais do setor de turismo do município perderam o emprego e estão em situação de vulnerabilidade social.

A doação de cestas básicas nestes locais visa também amenizar o impacto causado na vida destas pessoas. As entregas foram acompanhadas pelo vereador Gustavo, secretária de turismo, Nilza Vicente, secretária de desenvolvimento social, Anaildes Porto e pela equipe do VSBA.

ASCOM – Prefeitura de Maraú

 

Secretaria de Saúde de Maraú recebe 400 testes rápidos do ministério da saúde

Já se encontram na Secretaria Municipal de Saúde, da Prefeitura do Maraú, 400 testes rápidos sorológicos para diagnóstico do coronavírus (COVID-19). De acordo com a secretaria de saúde, os testes serão prioritariamente utilizados nos casos possivelmente suspeitos de Covid-19, após análise de critérios clínicos médicos e averiguação da equipe do setor epidemiológico.

Será iniciada a estruturação através de critérios clínicos com os pacientes em suspeita ou aqueles que se encontram em isolamento domiciliar – pessoas que apresentam um quadro de tosse ou febre e que receberam a recomendação de isolamento domiciliar até que se observe o desdobramento do quadro.

O teste rápido, segundo o Ministério da Saúde, é indicado apenas entre o sétimo e décimo dia do início dos sintomas. Os resultados dos testes duram entre 15 a 30 minutos. “Desta forma teremos maior celeridade para confirmação ou descarte de casos em nosso município. Assim poderemos ter um controle ainda maior de nossos pacientes”, destaca a Secretária de Saúde de Maraú, Juliana Lemos.

ASCOM – Prefeitura de Maraú

Uso de máscaras nos comércios e serviços essenciais é obrigatório em todo município de Maraú

Os moradores de Maraú tem que usar máscaras de proteção quando forem em estabelecimentos considerados de serviço essencial e que estão abertos durante a quarentena na cidade. A determinação foi publicada no Diário Oficial do Município como mais uma medida de prevenção ao coronavírus.

A determinação abrange todos os serviços considerados essenciais e que estão em funcionamento na cidade, como supermercados, loja de material de construção, casas lotéricas, farmácias, bancos, entre outros.  O certo é que tanto em via pública quanto no comércio as regras seguirão em vigor por tempo indeterminado. A fiscalização dos clientes ficará a cargo dos próprios comerciantes.

Moradores da zona rural Maraú protestam ao serem barrados novamente de entrar em Ubaitaba

No início da manhã do último sábado, 02, os moradores da zona rural de Maraú, voltaram a ser impedidos de entrar na cidade vizinha de Ubaitaba. O bloqueio feito pela prefeitura da cidade, no distrito de Faisqueira, impediu novamente a entrada dos moradores, que reagiram e protestaram na barreira.

Horas depois, comerciantes e demais empresários de Ubaitaba, protestaram contra a medida da prefeitura por meio de uma carreata e um buzinaço pelas principais ruas da cidade. O protesto é uma forma de apoiar a entrada dos moradores de Maraú que consome bastante no comércio da cidade e contribui para o desenvolvimento econômico local.

Coronavírus: Senado aprova projeto de ajuda fiscal a estados e municípios

O Senado Federal aprovou neste sábado (2), em sessão remota, o projeto de lei que estabelece uma ajuda financeira emergencial a estados e municípios durante a pandemia do novo coronavírus. O pacote de medidas terá um custo estimado de cerca de R$ 120 bilhões para a União.

O texto foi aprovado, após cerca de seis horas de sessão, por 79 votos a 1. Dos 81 senadores, apenas Randolfe Rodrigues (Rede-AP) votou contra. O senador Weverton (PDT-MA) presidiu a sessão e, por isso, não votou. O projeto já havia passado pela Câmara dos Deputados, mas, como sofreu modificações, precisará ser reanalisado pelos deputados.

O objetivo da proposta é reduzir os efeitos da queda de arrecadação de impostos de estados e municípios em razão das medidas de combate ao avanço da doença, como o fechamento de comércios e empresas. O texto condiciona a liberação de recursos aos governos locais ao congelamento do salário de servidores públicos até 31 de dezembro de 2021.

A única exceção será para os servidores civis e militares dos estados, do Distrito Federal e municipais das áreas de saúde e de segurança pública, além dos integrantes das Forças Armadas, diretamente envolvidos no combate à pandemia

A liberação do reajuste salarial a esses profissionais atendeu ao apelo de diversos partidos e foi feita pelo presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), que também é o relator da matéria.

Segundo Alcolumbre, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou que, concluída a votação no Senado, o projeto será colocado em votação pelos deputados na segunda-feira (4), sem novas alterações.

Caso os deputados aprovem o texto, sem mais modificações, o projeto segue para a sanção pelo presidente da República, Jair Bolsonar.

O que diz o texto

O programa estabelece:

  • R$ 60 bilhões de repasses da União a estados e municípios para financiar ações de enfrentamento ao coronavírus;
  • R$ 49 bilhões de economia com a suspensão do pagamento de dívidas com a União e bancos, como BNDES e Caixa;
  • R$ 10,6 bilhões de economia potencial com a renegociação de contratos com organismos internacionais;
  • medidas adicionais de simplificação da gestão orçamentária e contratual para enfrentamento à pandemia.

Prefeitura de Maraú prorroga decretos e mantém medidas de prevenção e exige teste negativo de Covid-19 para veranistas 

Vista área da sede de Maraú | Foto: Darlim Santos

A prefeitura de Maraú prorrogou os decretos com medidas de prevenção e combate a pandemia do coronavírus. Uma das medidas que seguem em vigor é o impedimento do ingresso de turistas e veranistas ao município. Aqueles que têm casa de veraneio na cidade, por exemplo, precisam apresentar exame laboratorial que confirme negativo para o Covid-19. No início de abril, dois turistas estrangeiros tiveram que deixar a cidade após entrarem de forma clandestina.

No início de abril, a prefeitura decretou situação de emergência para enfrentamento da pandemia e suspendeu todos os eventos públicos e privados de qualquer natureza. Também foi prorrogada a interdição de todas as praias da península por tempo indeterminado.

Foram instaladas barreiras sanitárias nos acessos a Maraú. A ação busca, segundo a gestão municipal, medir a temperatura corporal das pessoas que tentam entrar na península. Caso apresente febre alta, o morador é orientado a procurar um médico.

As vedações anteriores previstas e suas alterações posteriores, ficam mantidas por mais 15 dias. Ou seja, no decreto continua suspenso a circulação, saída e chegada de qualquer transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário e hidroviário.

Em 15 dias, 25 novos casos de coronavírus são confirmados entre PMs da Bahia

O número de policiais militares diagnosticados com a Covid-19, doença causada pelo coronavírus, subiu para 31. As informações foram confirmadas pela Polícia Militar, neste sábado (2). Um PM já morreu por causa da doença. O último balanço divulgado pela PM, no dia 16 abril, havia registrado seis casos confirmados de policiais contaminados com a doença. Em 15 dias, 25 novos casos foram registrados.

Ainda segundo a PM, outros 393 casos são suspeitos e estão sendo avaliados. O PM que morreu em decorrência do vírus foi o sargento da reserva Carlos Alberto Nascimento Macedo tinha 52 anos e sofreu complicações por causa do coronavírus.

Por causa da pandemia, os policiais da Bahia foram orientados a se proteger com máscaras e adotar cuidados com a higiene pessoal para evitar a contaminação. Mais de 60 mil máscaras foram distribuídas entre os 30 mil policias militares do estado.

Com base no o último boletim divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), na noite de sexta-feira (1º), a Bahia registra 3.140 casos confirmados de coronavírus, com 117 mortes.

Veja mais notícias do estado no G1 Bahia.

maio 2020
D S T Q Q S S
« abr   jun »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia