WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
faculdade de ilheus faculdade de ilheus faculdade de ilheus

:: 28/mar/2020 . 23:28

Brasil tem 114 mortes e 3.904 casos confirmados de coronavírus, diz ministério

O Ministério da Saúde divulgou neste sábado (28) o mais recente balanço dos casos da Covid-19, doença causada pelo coronavírus Sars-Cov-2. Os principais números são:

  • 114 mortes
  • 3.904 casos confirmados
  • 2,8% é a taxa de letalidade
  • São Paulo concentra 1.406 casos, e o Rio, 558

O balanço acrescentou 22 mortes e 487 casos confirmados ao total. No balanço anterior, da sexta-feira (27), o Brasil tinha 92 mortes e 3.417 casos confirmados. Das 22 mortes acrescentadas ao total no país neste sábado, o estado de São Paulo teve 16 mortes. Já são 84 mortes em SP.

De acordo com o Ministério da Saúde, até as 15h, havia 569 pessoas internadas com confirmação para Covid-19 no país. O números consideram as pessoas cujos resultados dos testes já foram apresentaram e testaram positivo. O número não considera casos suspeitos.

Este é o segundo maior aumento diário de casos confirmados no Brasil até agora. Na sexta-feira, foram 503 novos casos.Durante seu pronunciamento na apresentação dos dados, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, disse que não tem covid-19. Ele afirmou que faz o teste com frequência e até agora todos deram negativo.

Suspeito de tráfico de drogas em Maraú é morto em confronto com a PM em Aurelino Leal

Uma operação da Polícia Militar (PM), na noite desta sexta-feira (27), em Aurelino Leal, terminou com a morte de João Vitor Oliveira, 23 anos, que era conhecido como Super Choque. O confronto aconteceu em um local conhecido como Favelinha, no bairro ACM. Segundo a PM, Super Choque era suspeito de tráfico de drogas, homicídios e assaltos.

De acordo com a polícia civil de Maraú, o jovem era suspeito de tráfico de drogas e de participação em dois homícidios no município, sendo um na Ilha do Tanque e outro no povoado de Saquaíra. O corpo será encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica da cidade de Ilhéus. Fonte dessa matéria: https://ubaitabaurgente.com.br

Coronavírus: Bahia passa a ter 29 cidades com transporte intermunicipal suspenso.

A Bahia passa a ter 29 cidades com transporte intermunicipal suspenso até o dia 5 de abril. O decreto nº 19.585, publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) deste sábado (28), inclui o município de Ipiaú, que tem um caso confirmado do novo coronavírus. O objetivo é proteger a população contra a disseminação da doença.

As outras 28 cidades com transporte suspenso são: Salvador, Feira de Santana, Porto Seguro, Prado, Lauro de Freitas, Simões Filho, Vera Cruz, Itaparica, Itabuna, Ilhéus, Itacaré, Camaçari, Luís Eduardo Magalhães, Barreiras, Bom Jesus da Lapa, Guanambi, Vitória da Conquista, Santa Maria da Vitória, Correntina, Entre Rios, Jequié, Brumado, Conceição do Jacuípe, Juazeiro, Teixeira de Freitas, Nova Soure, São Domingos e Canarana.

Estão suspensas a circulação, a saída e a chegada de qualquer transporte intermunicipal rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans nesses municípios. Os ônibus interestaduais também não podem circular na Bahia até 5 de abril.

Em municípios sem casos de coronavírus, o sistema de transporte intermunicipal foi suspenso porque está integrado ao de cidades com registros da doença. É o caso de Itacaré, que não tem pessoas identificadas com o novo coronavírus, mas está integrada ao transporte coletivo de Itabuna e Ilhéus.

Também assinado pelo governador Rui Costa e publicado no DOE deste sábado (29), o decreto nº 19.586 ratifica medidas já determinadas pelo Governo do Estado para o enfrentamento do novo coronavírus, a exemplo da declaração de situação de emergência em todo o território baiano e da suspensão pelo período de 30 dias, a partir de 17 de março, de eventos e atividades com público superior a 50 pessoas e das atividades letivas, nas unidades de ensino, públicas e privadas. (Itacaré Urgente)

Prefeitura de Maraú disponibiliza Whatsapp para tirar dúvidas sobre o Coronavírus

A Prefeitura de Maraú, através da Secretaria de saúde disponibiliza números de telefone, via aplicativo Whatsapp, (73) 9 9965-9338 e (73) 9 9836-5649 para a população tirar dúvidas sobre o Coronavírus (Covid-19). As dúvidas e orientações serão repassadas pela equipe técnica da Vigilância Epidemiológica da secretaria municipal de Saúde.

O canal é direcionado para tirar dúvidas sobre sintomas da doença. A equipe da secretaria de saúde de Maraú irá orientar e indicar se a pessoa deve permanecer em casa, se precisa se dirigir até uma unidade básica de saúde, se é caso da nossa equipe volante ser deslocada até a casa do paciente ou de encaminhamento de urgência.

ASCOM – Prefeitura de Maraú

Paciente diagnosticada com coronavírus em Ipiaú é do distrito do Japomirim

A paciente internada no Hospital Geral de Ipiaú, diagnosticada com o novo coronavírus, é uma idosa, de idade não informada, residente no distrito do Japomirim. Seguindo um protocolo da Sesab, a paciente diagnosticada será transferida o mais breve para um hospital de referência em Salvador. Apesar de pertencer ao município de Itagibá, o distrito do Japomirim é localizado ao lado de Ipiaú e separado por uma ponte sobre o Rio de Contas. O caso acende um alerta na microrregião, que já vem adotando medidas preventivas. A Secretaria de Saúde de Ipiaú divulgou uma nota falando sobre o caso registrado no HGI:

“A Secretaria Municipal de Saúde de Ipiaú informa que, até a presente data, foram notificados 06 (seis) casos suspeitos para o Coravírus (COVID-19), tendo sido 04 (quatro) casos descartados, 02 (dois) exames estão aguardando o resultado do Lacen (Laboratório Central da Bahia), não havendo nenhum resultado testado como positivo. Quanto ao caso confirmado na data de hoje, onde foi diagnosticado um(a) paciente com teste positivo para o Covid-19, informamos que o(a) paciente se encontra internado(a) no Hospital Geral de Ipiaú (HGI). Contudo o (a) mesmo (a) reside no Distrito de Japomirim, município de Itagibá, razão pela qual não será incluído(a) nas estatísticas de nosso município. Entretanto, em decorrência da proximidade do citado Distrito e ainda o fato do(a) paciente estar internado(a) em uma unidade hospitalar de nossa cidade, pedimos que todos redobrem os cuidados. Possivelmente esta pessoa teve contatos com diversos munícipes, havendo possibilidade de transmissão comunitária para o COVID-19”, diz o Boletim divulgado pela secretaria.

Até esta sexta-feira, a Bahia registra 123 casos confirmados com coronavírus (Covid-19), o que representa 3% do total de casos notificados. Até o momento, 1240 casos foram descartados e não há óbitos. O Ministério da Saúde aponta 92 mortes e 3.417 casos confirmados no Brasil. No mundo mais de 20 mil pessoas já morreram, maior parte delas na Itália.

Atingidas por crise devido à pandemia, lojas de Salvador demitem funcionários

A pandemia do coronavírus atingiu em cheio o comércio de Salvador. Um dia antes de as lojas de rua com mais de 200 metros quadrados serem fechadas, poucos estabelecimentos que ficam na Avenida Sete estavam abertos nesta sexta-feira (27). O movimento tranquilo foi o resultado da medida adotada pelo prefeito ACM Neto para conter o avanço do novo coronavírus.

Com pouca gente na rua, até o comércio considerado essencial sentiu o reflexo do isolamento. Em uma delicatessen, no bairro de Matatu de Brotas, os clientes só poderiam entrar sozinhos no estabelecimento. Segundo o dono da rede de delicatessen, o faturamento do local caiu 70% nos últimos dias. O restaurante da padaria foi fechado para evitar aglomeração de pessoas. A medida tomada por ele foi demitir 30 dos 220 funcionários da rede.

“As nossas últimas reuniões foram tristes, porque, de fato, ninguém deseja isso. Nós ficamos mais tempo aqui do que em casa, e é triste, porque não é o que a gente espera. Eu espero que seja, de fato, resolvido logo”, disse a gerente da padaria Priscila Fonseca.

Uma consultora de vendas que trabalhava em um shopping foi demitida há dois dias. “Faz dois dias que eu recebi uma ligação do meu supervisor me avisando que eu estava sendo desligada do quadro”, contou Sídera Ramos.

Decretos para evitar a proliferação do novo coronavírus, divulgados desde a última semana, afetaram o movimento no comércio. No dia 21 de março, shoppings centers foram fechados e seis praias da capital interditadas por um prazo de 15 dias. No dia 25 de março, bares, restaurantes, lanchonetes e lojas de conveniência começaram a funcionar de forma restrita, com delivery ou retirada dos produtos para consumir fora dos estabelecimentos.

Em Salvador, existem cerca 14 mil bares e restaurantes. Segundo informações da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), alguns estabelecimentos já começaram a demitir.

“37% dos estabelecimentos já demitiram funcionários, 33% dos estabelecimentos já estão planejando demitir os funcionários. O que nós recomendamos agora é que aguardem o Governo Federal, que a Abrasel tem feito um contato frequente com o Governo Federal, esperando uma proposta do Governo, que vai melhorar tanto a situação dos funcionários como dos bares e restaurantes”, contou o presidente do conselho da Abrasel, Daniel Alves.

O secretário municipal de urbanismo e desenvolvimento, José Sérgio Bezerra, adverte que os estabelecimentos que vendem materiais considerados de primeira necessidade poderão ficar abertos, de acordo com a determinação da prefeitura.

“Estamos excepcionalizados dessa decisão, o comércio do material de construção, elétricos, açougue, padarias, supermercados, petshops, empresas que trabalham com material de saúde… Em síntese, aquelas empresas que trabalham com gênero de primeira necessidade. Um outro grupo de empresas que estarão excepcionalizados desse decreto são aqueles estabelecimentos com porte inferior a 200 metros quadrados de área total construída”, explicou José Sergio Bezerra.

Ajuda federal

Para evitar novas dispensas, o Governo Federal anunciou, nesta sexta, uma linha de crédito emergencial para atender pequenas e médias empresas com faturamento entre R$ 360 mil e R$ 10 milhões. O programa vai financiar os salários de funcionários que ganham até dois salários mínimos por dois meses. No entanto, existe a contrapartida de que as empresas não poderão demitir os empregados nesse período.

Veja mais notícias do estado no G1 Bahia.

março 2020
D S T Q Q S S
« fev   abr »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia