Nesta terça-feira foi decretada a prisão temporária dos policiais militares que estavam na ação que resultou na morte do delegado José Carlos Mastique. Segundo informações, os policiais ficaram detidos na sede do 15º batalhão. José Carlos Mastique(foto) foi morto por um policial militar na madrugada do domingo num posto de Combustível, em Itabuna. Segundo uma fonte, o clima é de insatisfação nas duas corporações pela falta de uma posição do comandante geral da PM e do delegado geral. Por conta disso o clima é de tensão entre as duas corporações. O fato ainda não foi esclarecido, mas a polícia segue investigando. Nesta segunda-feira o secretário de segurança pública da Bahia, Mauricio Barbosa, determinou que o Corregedor-geral da secretaria, Nelson Gaspar Álvares Pires Neto, acompanhe a investigação.

Fonte: Políticos do Sul da Bahia