2019 fevereiro 08
WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
pousada cravo canela apaixona camamu

fevereiro 2019
D S T Q Q S S
« jan   mar »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
2425262728  

:: 8/fev/2019 . 14:05

Barragem para captação de água em Maraú é vistoriada por Técnicos da Embasa, IFBA e prefeitura

Os representantes do Instituto Federal da Bahia (IFBA), Rogério Saad e o Engenheiro, Gabriel Lira, juntamente com os representantes da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) Marcos Alan, engenheiro de expansão e o gerente local, Alex Sander, realizaram na manhã desta última sexta-feira, dia 08, uma visita técnica  à barragem de captação de água que abastece a sede de Maraú.

A visita foi solicitada na última reunião da oficina do plano de saneamento básico de Maraú, visando um diagnóstico final para a conclusão da elaboração do plano. Também estiveram presentes Jorge Robson e Marcos Lucatto, representantes da Secretaria de Meio Ambiente, Marlon Vivas da Secretaria de Infraestrutura e Obras e Gileno do Gabinete da Prefeita.

A elaboração do Plano Municipal de Saneamento Básico é um requisito para aquisição de verbas para obras de saneamento. Ele deve ser elaborado por todas as prefeituras municipais do país e aprovado pelo Governo Federal para que as prefeituras possam receber essas verbas.

Salvador vira 2º destino mais procurado para Carnaval, revela pesquisa

Do Atualiza Bahia

O levantamento foi realizado pelo buscador de viagens Momonda e divulgado pelo Jornal ATarde. A pesquisa foi realizada no dia 24 de janeiro a partir de buscas de brasileiros entre outubro de 2018 e 23 de janeiro deste ano. A capital baiana ficou atrás apenas do Rio de Janeiro.

Segundo dados, o período de viagens considerado foi de 1º a 10 de março deste ano. Os paulistanos e suecos foram os que mais se interessaram por Salvador.

Camamu tem apenas 34% dos eleitores fizeram o cadastro biométrico obrigatório, diz TRE

Assim como em Maraú, os eleitores de Camamu, também terão que realizar o cadastro biométrico para votarem nas eleições de 2020. A cidade tem apenas pouco mais de 34% do seu eleitorado já com cadastro biométrico. Dos mais de 24.956 eleitores, apenas 8.724 fizeram a biometria, aponta os dados divulgados pelo Tribunal Regional Eleitoral da Bahia.

Em Camamu, os eleitores tem segunda, quarta e sexta-feira, para fazer o cadastro e evitar problemas futuros com a justiça eleitoral. Os eleitores tem até o dia 30 de agosto, para realizar o cadastro biométrico. Quem não fizer o cadastro no prazo estipulado, terá o titulo cancelado. 

Barra Grande 24 Horas.

 

Apenas 12,61% dos eleitores de Maraú fizeram o cadastro biométrico, aponta TRE

Em Maraú, apenas 12,61% dos eleitores já fizeram o cadastro biométrico, de acordo com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), que divulgou dados sobre o perfil do eleitorado no município ao portal Barra Grande 24 Horas. Para muitos, a baixa adesão é causado pela dificuldade que o eleitor marauense tem ao tentar fazer o cadastro no cartório eleitoral de Camamu.

De acordo com os números do TRE, apenas 1.632, dos 12.940 mil eleitores cadastrados em Maraú, já efetivaram o cadastramento biométrico. Segundo o TSE, a biometria é uma tecnologia que confere mais segurança à identificação do eleitor no momento da votação. O leitor biométrico confirma a identidade de cada pessoa por meio das impressões digitais, armazenadas em um banco de dados da Justiça Eleitoral e transferidas para as urnas eletrônicas.

Os eleitores marauenses tem até o dia 30 de agosto, sempre nas terças e quintas, para realizar o cadastro biométrico. Quem não fizer o cadastro no prazo estipulado, terá o titulo cancelado. 

 

Pescadores e Marisqueiras de Maraú participam de curso de manipulação e beneficiamento do Pescado

Este slideshow necessita de JavaScript.

MARAÚ – pescadores e marisqueiras dos povoados de Tremembé e Taipu de Dentro, participaram nos dias 4 e 5 de fevereiro, de um curso de manipulação e beneficiamento do pescado. O curso que faz parte do projeto Sul da Bahia Pescando, foi realizado pela associação Humana Brasil, em parceria com a Bahia Pesca, com o apoio da Secretaria de Agricultura do município. 

O projeto que abrange 14 municípios da região sul, tem como objetivo a segurança alimentar, a melhoria de renda capaz de produzir a autonomia econômica, social e organizativa, de forma a ampliar a inserção desse público no mercado e ampliar a oferta de alimentos seguros para a sociedade. Em Maraú, 120 famílias são cadastradas, sendo divididas em três áreas: 1 – região de Tremembé (abrangendo Tremembé, Quitungo e Gamboa) 2 – Tanque e 3 – Taipu de Dentro/Campinhos. 

 





WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia