2018 setembro 08
WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


setembro 2018
D S T Q Q S S
« ago   out »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

:: 8/set/2018 . 16:50

Pastor de igreja em Jequié morre após carro capotar na BR-030, em Brumado

Pastor Arlindo Augusto da Silva tinha 64 anos (Foto: Redes Sociais)

Por: Giro em Ipiaú

Uma pessoa morreu e duas ficaram feridas em um capotamento na BR-030, região próxima à cidade de Brumado, no sudoeste da Bahia, no início da noite de quinta-feira (6). A vítima foi o motorista do veículo, o idoso Arlindo Augusto da Silva, de 64 anos, que era pastor da Igreja evangélica Jeová Nissi, na cidade de Jequié. De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), ele estava no veículo com o filho Marcel de Santana Silva e Rondon de Paula Souza, que tiveram ferimentos leves. O pastor viajava com destino ao estado de Minas Gerais. A polícia investiga o que pode ter causado o acidente. O corpo de Arlindo foi levado para perícia no Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Brumado. Ainda não há informações sobre o sepultamento da vítima.*As informações são do G1

Maraú: ‘Apagão’ traz prejuízo aos moradores e comerciantes no feriadão em Barra Grande

Vista de Barra Grande, na Península de Maraú | Foto: Barra Grande 24 Horas

Um apagão deixou moradores e turistas do Distrito de  Barra Grande, no município de Maraú, sem energia elétrica e no escuro desde a noite da última sexta-feira, 07, e a madrugada deste sábado, 08. Outros povoados também sofreram com a falta de energia. Segundo informações obtidas pelo Portal Barra Grande 24 Horas, o apagão teria sido causado por causa da queda de uma árvore na fiação elétrica nas proximidades do  povoado de Saquaíra.

PREJUÍZO NO FERIADÃO – O “apagão” ocorreu pouco antes das 21h, só foi restabelecido às 4:00 horas da manhã. Em Barra Grande, ninguém imaginaria que a escuridão duraria cerca de oito horas, em meio a oscilações. Nas lojas, os clientes sumiram e ainda foi preciso fechar as portas mais cedo. Além disso, máquinas de débito ou crédito não funcionavam. A quebra inesperada no expediente trouxe prejuízos no comércio.

Bares e restaurantes e meios de hospedagem funcionaram de modo precário. Alguns turistas optaram por deixar a localidade durante a noite para locais onde houvesse energia elétrica e aqueles que estavam hospedados amargaram um noite inteira mal dormida. A insatisfação foi grande, isso sem mencionar os prejuízos com os aparelhos elétricos. A chuva que atingiu a península também gerou transtornos aos moradores.
Darlim Santos | Barra Grande 24 Horas

 

 









WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia